07/10/17
Policiais militares param motorista a tiros 
Moradores do bairro Universitário e região ficaram assustados com a quantidade de tiros ouvidos na tarde de sexta-feira, dia 29 de setembro. A princípio, quem não estava na rua do fato, achou que se tratava de um tiroteio em polícia e bandidos.
Na verdade os tiros foram disparados pela própria polícia militar para parar um veículo que, segundo a PM, empreendeu fuga em alta velocidade após receber ordem de parada.
A Polícia Militar passou a perseguir o veículo após receber denúncia de que um indivíduo estaria armado em um Monza de cor escura.
Os militares avistaram o veículo e deram a ordem de parada, mas o condutor do carro desobedeceu e fugiu da abordagem, iniciando uma fuga, ainda segundo a polícia, em alta velocidade, trazendo perigo de atropelamento de pedestres.
Para fazer o motorista parar sua fuga os militares efetuaram disparos de arma de fogo em direção ao veículo com os disparos atingido o carro. M.H.R.P., de 25 anos, acabou se entregando.
Dentro do carro os militares encontraram uma criança de aproximadamente dois anos. A criança, que não encontrava-se assentada em cadeira apropriada e não utilizava nenhum equipamento de segurança veicular, mesmo não tendo sofrido nenhum tipo de ferimento, foi conduzida ao hospital local.