13/05/17
Semana de atividades marca a Luta Antimanicomial, a partir de 15 de maio
Para destacar a importância da atenção humanizada à saúde mental, a Secretaria Municipal de Saúde realiza entre os dias 15 e 19 de maio, a Semana da Luta Antimanicomial. As atividades reforçam a necessidade de conscientizar a população sobre a urgência de reinserir as pessoas com sofrimento mental, e também aquelas com necessidades decorrentes do uso de álcool e outras drogas, ao convívio social.
Durante cinco dias, debates e reflexões serão propostos com o objetivo de implantar novas ações para a rede de atenção psicossocial e fortalecer os vínculos entre os usuários e a rede, garantindo sua autonomia e o exercício da cidadania. O tema é uma prioridade para o Governo de Itaúna que está promovendo a ampliação da equipe de atendimento e reestruturando os serviços de saúde mental.
A diretora da Saúde Mental em Itaúna, psicóloga Cristiane Santos Souza Nogueira, reforça a importância das políticas públicas inclusivas e destaca o Dia Nacional da Luta Antimanicomial, em 18 de maio, um marco para que os governos analisem e proponham melhorias no acolhimento dos usuários da rede.
"É por meio da implantação de uma política que seja eficaz e da construção de uma rede substitutiva de serviços, que a administração municipal vai garantir que as pessoas em tratamento sejam acolhidas, cuidadas e tratadas como sujeitos que têm direito de estar no convívio social", afirmou a psicóloga. Ainda segundo Cristiane, as discussões são fundamentais para a construção de uma política integrada de proteção à pessoa em sofrimento mental.
"O Governo de Itaúna se preocupa e está tomando atitudes rápidas. Os serviços ganharam reforço de novos profissionais e o apoio da Prefeitura permitiu, em menos de cinco meses, a mudança de sede do Centro de Convivência da Saúde Mental, garantindo amplo acesso da população. Outra mudança para melhor é a nova casa para o Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas - CAPS AD, que também será na avenida Jove Soares", resumiu Cristiane.
A inauguração da sede integra o calendário oficial em comemoração da luta antimanicomial. Será no dia 17 de maio, a partir das 10 horas, com a participação de usuários e profissionais da rede de Saúde Mental.
A programação inclui ainda apresentação teatral, no Teatro Sílvio de Mattos, e a exibição e discussão do filme "Nise – O Coração da Loucura", um longa nacional lançado em 2015 e que traz à tona as discussões sobre a eficácia dos tratamentos a partir da arte e do cuidado em liberdade. Oficinas de cidadania também serão realizadas em formato de assembleia entre os usuários, familiares e profissionais da saúde mental, com o objetivo de propor novas ações para a rede de atenção psicossocial. As discussões abrangem a atuação do CAPS AD, CAPS II e Centro de Convivência.
No dia 18 de maio, quinta-feira, os usuários participam, em Belo Horizonte, do desfile da Escola de Samba "liberdade ainda que Tam Tam", um grande carnaval promovido pelo Fórum Mineiro da Saúde Mental. "É uma programação inclusiva, que coloca em destaque o direito da loucura ocupar o espaço da cidade, do pertencimento social da pessoa em sofrimento mental. Esse evento nos traz a possibilidade de incluir na rotina da Saúde Mental as propostas apresentadas pelas assembleias, fazendo com que as ações planejadas ganhem sustentação durante todo o ano e o serviço seja ainda mais bem prestado", finalizou Cristiane.
 
A Saúde Mental em Itaúna
Itaúna possui atualmente, além da atenção básica preparada para oferecer o primeiro atendimento às pessoas com transtornos mentais, uma rede especializada de atuação. A Rede do SUS está disponível para pessoas com sofrimento ou transtorno mental e com necessidades decorrentes do uso de crack, álcool e outras drogas, nas unidades e equipes do CAPS II (Centro de Atenção Psicossocial), e CAPS AD (Centro de Atenção Psicossocial Álcool e outras Drogas). Outro serviço disponibilizado pelo Município, é o Centro de Convivência da Saúde Mental, espaço mantido pela Prefeitura para a socialização dos usuários e realização de oficinas de artes e profissionalizantes.