15/07/17
Câmara rejeita pedidos de cassação de Neider e Iago
O procurador da Câmara Municipal de Itaúna, Helimar Parreiras, deu seu parecer sobre o pedido de cassação do mandato do prefeito Neider Moreira. O pedido, que foi rejeitado pelo presidente Márcio Gonçalves, acatando o parecer do procurador, foi apresentado por Marcos Regaço e seu irmão Marcelo Regaço. O argumento para a denúncia foi o uso de máquinas da Prefeitura de Itaúna no corte de um pé de manga em terreno particular. Helimar Parreiras em seu parecer, disse que não encontrou indícios que justificariam a abertura de CPI - Comissão Parlamentar de Inquérito e ainda que, para tal, seria preciso que o requerimento fosse feito por pelo menos 1/3 dos vereadores. Segue junto ao Ministério Público outra representação com a mesma justificativa feita pelos vereadores Otacília Barbosa e Alex Artur.
A representação feita pelo Supermercados Rena por quebra de decoro parlamentar contra o vereador Iago Santiago, também foi rejeitada depois de parecer do procurador da Câmara. Iago, que se traveste de Pranchana Jack em vídeos de humor na internet teria usado as dependências do supermercado para uma nova gravação sem permissão da empresa. O Supermercados Rena entendeu que Iago fazia apologia ao furto na loja e denegria a imagem do estabelecimento. O procurador Helimar afirmou que o Iago não usou o cargo de vereador na gravação e não denigre a imagem da Câmara. Apenas a representação de quebra de decoro foi suspensa; uma ação do Supermercados Rena por danos morais, está tramitando na 1ª Vara Cível da Comarca de Itaúna, e teve audiência de conciliação na última terça-feira..