20/05/17
Passeata destaca os direitos das pessoas com sofrimento mental
Usuários do Centro de Convivência da Saúde Mental e dos equipamentos da Secretaria de Saúde participaram na manhã desta quarta-feira, 17 de maio, de uma passeata na avenida Jove Soares. A atividade faz parte das comemorações da Semana da Luta Antimanicomial e foi proposta com o objetivo de chamar a atenção de toda a sociedade para os avanços na reforma psiquiátrica, que é a base para a construção de uma política integrada de proteção à pessoa em sofrimento mental.
Os pacientes percorreram a via chamando a atenção de motoristas e pedestres. "A ação é muito importante porque ela traduz as práticas que construímos cotidianamente. Ao levantarmos essa bandeira ao lado da população, chamamos a atenção sobre os direitos e os benefícios do cuidado em liberdade, que vão dizer muito sobre a inclusão social e autonomia das pessoas com sofrimento mental e também sobre o exercício da cidadania", comentou Cristiane Santos de Souza Nogueira, diretora Municipal de Saúde Mental.
A caminhada terminou na nova sede do Centro de Atendimento Psicossocial Álcool e Drogas – CAPS AD, inaugurada nesta quarta-feira, 17, também na avenida Jove Soares, em local de mais fácil acesso aos usuários.
Atualmente, quase 200 pessoas frequentam a unidade, que conta com psicólogo, psiquiatra, assistente social, enfermeiro, terapeuta ocupacional, instrutores de oficinas e, agora, garantido por contratação recente feita pela atual administração, um clínico geral. No local são disponibilizadas consultas e dispensados medicamentos. Internações durante o dia, atividades terapêuticas e grupos de apoio formados por familiares complementam o tratamento.