21/07/18
ELEIÇÕES 2018
Pré-candidato Osmando reúne grupo político e fala de suas propostas
O PSDB itaunense realizou reunião com seu grupo político na segunda-feira, dia 16 de julho, no Clube União. A reunião serviu para expor as estratégias a serem usadas na campanha eleitoral deste ano, caso a convenção do partido confirme o nome do ex-prefeito por quatro mandatos, Osmando Pereira da Silva, como candidato a uma vaga na Assembleia Legislativa de Minas Gerais.
Estiveram presentes representantes de entidades sociais, a presidente da OAB – Itaúna, Suzana Bretas, vereadores (Alex Artur, Da Lua, Gláucia Santiago, Antônio de Miranda, Otacília Barbosa, Anselmo Fabiano, e Gleison Fernandes), lideranças políticas, amigos e apoiadores de seu nome como pré-candidato a deputado estadual.
O objetivo da reunião foi estabelecer as estratégias e chamar os apoiadores para defenderem e propagar suas propostas de compromisso com um mandato sério e ético, para o desenvolvimento de Itaúna e a defesa dos interesses da população.
"Se confirmado minha candidatura na convenção e sendo eleito, terei um gabinete atuante para receber os itaunenses e buscar soluções para seus problemas junto ao Estado".
Osmando falou ainda que pretende trabalhar para o fortalecimento dos municípios mineiros, hoje tão massacrados pelo Estado e pelo Governo Federal. Osmando vai trabalhar em cerca 50 municípios e tem grande apoio ao seu nome na cidade de Belo Horizonte onde conquistou respeito e muitos amigos quando foi subprefeito da regional da Pampulha.
Outro alvo de atuação que o pré-candidato a deputado estadual pretende é a moralização da função pública. Osmando lembrou que em quatro mandatos como prefeito nunca passou por um processo de improbidade.
Osmando disse que sabe que não será fácil vencer mais este desafio. A legenda é alta, deve precisar de mais de 40 mil votos para se eleger, mas disse que confia no povo de Itaúna. A sua experiência administrativa, sua boa convivência no meio político estadual e federal aumentam suas chances de eleição, sem falar que é "um ficha limpa".
A decisão de colocar seu nome para apreciação do filiados do PSDB foi o apoio do presidente estadual do partido, deputado Domingos Sávio, e de outras lideranças do partido, como Paulo Abi-Ackel, que também compõe a executiva estadual tucana e do pedido direto do pré-candidato ao Governo do Estado, Antônio Anastásia, "pela sua história e pela sua liderança inconteste".