23/12/17
Cidade já conta com serviço de perícia
A Prefeitura de Itaúna, em parceria com a Polícia Civil, está ampliando a assistência às vítimas de lesões corporais e de crimes de natureza sexual. Desde segunda-feira, 18 de dezembro, o Município já conta com um médico para a realização de serviços de perícia.
Com a implantação do serviço em Itaúna o atendimento às pessoas será mais humanizado, de modo a integrar os serviços oferecidos pela Polícia Civil. O acordo prevê a liberação de um profissional médico da Polícia Civil, que vai atender toda a demanda de exames de corpo de delito. Até então, a perícia só atendia em Divinópolis, a partir de agora, todo o procedimento será feito na cidade.
O serviço funcionará na Policlínica Dr. Ovídio Nogueira Machado, no Espaço da Mulher, criado para os cuidados preventivos e ampliação na atenção à saúde das itaunenses. Por meio da parceria, a Prefeitura disponibilizou uma ampla sala, equipada com computador e internet, além de equipamentos e materiais necessários para a realização dos trabalhos periciais. A Polícia Civil vai ceder um servidor efetivo, médico, além de organizar o fluxo de atendimento.
O delegado Jorge Antônio Pereira de Mello, disse que a medida estrutura ainda mais os atendimentos oferecidos tanto pela Polícia Civil quanto pela administração municipal. Segundo ele, a Prefeitura colocou no bairro Morada Nova um centro de referência à saúde da mulher, o que era preciso para o trabalho de prevenção da violência contra a mulher e aos cuidados com a mulher, permitindo a instalação do novo serviço.
Médico legista -
A Polícia Civil anunciou a vinda de um médico legista para os exames autopsiais em Itaúna. A expectativa é de que, a partir de 2018, sejam realizadas também as autópsias no Município.