25/03/17
ACONITA completa 50 anos dia 27 de março
Fundada em 27 de março de 1967, a Associação dos Contabilistas de Itaúna, ACONITA, completa na segunda-feira seu quinquagésimo aniversário. O estatuto da entidade foi registrado em ata no dia de sua criação.
A Associação se formou com o objetivo de união entre os profissionais da área da contabilidade em Itaúna, buscando troca de conhecimento, representatividade da classe, aprimoramento da profissão com cursos, palestras e debates promovidos para seus associados. Os associados se reúnem semanalmente, às segundas-feiras, no horário de 17h30 às 18h30, para desenvolver e debater sobre assuntos tributários e contábeis.
A ACONITA começou suas atividades em um imóvel alugado na rua Silva Jardim, no centro de Itaúna. Em 1978 recebeu doação da Prefeitura de Itaúna de um terreno na rua Macrina, quando era prefeito Dr. Célio Oliveira.
O desafio então ficou maior: construir sua sede própria. Foi preciso mais uma vez de união da classe. Os contadores Geraldo Celestino Araújo, Nilceu Batista da Silva, José Santos, Irajá Guimarães, Cícero da Silva, Nelson Furtado e Libério Rocha foram atrás de recursos para a tão sonhada obra. Da Companhia Industrial Itaunense receberam parte do material da construção e da Siderurgia São João vieram as ferragens para a laje. Até um carro eles conseguiram para uma rifa e assim conseguiram finalizar a construção. A inauguração de sua sede própria foi em 10 de fevereiro de 1989, portanto há 28 anos.
A primeira diretoria em 27 de março de 1967, era composta pelos seguintes contabilistas:
Presidente: José Alves da Silva Filho; vice-presidente: Antônio Peres Guerra; 1º secretário: Geraldo Morais; 2º secretário: Geraldo Fernandes da Silva; 1º tesoureiro: Aurélio Nazareth de Carvalho; 2º tesoureiro: Irajá Nogueira Guimarães; 1º bibliotecário: Décio Gonçalves da Silva; 2º bibliotecário: Fernando Lima Junior.
Conselho fiscal efetivo: José Leonardo de Oliveira, Amélia de Oliveira Dornas e Antônio Henrique da Fonseca.
A diretoria que compõe a Associação quando esta completa 50 anos tomou posse em 20 de junho de 2015 para o triênio 2015-2018 e ficou assim formada: Presidente: Geraldo Celestino de Araújo (Cajuru); vice-presidente: Fabiana Cristina Xavier de Resende; secretária: Juliana Terra; 2º secretário: Carlos Cerba de Almeida; tesoureiro: Warlei Eustáquio de Souza; 2º tesoureiro: Antônio Joaquim da Silva; departamento jurídico: Sérgio Lúcio Lopes e Célio Nunes dos Santos; relações públicas: Jordânia Silva Sousa e Lucimar Geraldo de Andrade; bibliotecários: Laércio Carlos de Faria e Carlos Alberto de Menezes; conselho fiscal: Valdir Rosa Andrade, Alan Fernando Nogueira e Thiago Cícero de Faria e Silva; suplentes: Divino José Da Silva, Célia Aparecida Senra e Clauto Ferreira da Silva; tecnologia de informática: Luciano Moreira Nunes, Márcio Flávio de Oliveira Sousa; Alisson Celestino De Araújo; Edno José De Oliveira.
No dia 18 de outubro de 2016 faleceu o então presidente da entidade, o advogado e contador Geraldo Celestino Araújo, o Cajuru, assumindo o cargo Fabiana Xavier.
Cajuru foi um dos maiores incentivadores da Associação e não media esforços para seu crescimento. Gostava de divulgar o trabalho da ACONITA, promovia ações e confraternizações entre os associados procurando manter a classe sempre unida.
Durante os contatos feitos pelo jornal com os contadores da cidade o que se ouvia de todos eles era a necessidade de recordar o nome de Cajuru e sua luta em todos estes anos para que a ACONITA fosse uma instituição cada vez mais forte.
Houve uma certa dificuldade para coletar algumas dados para esta matéria, como datas e a primeira diretoria e, por incrível que pareça, eles foram informados justamente por ele, pelo Cajuru, nos arquivos de sua coluna Legislação Brasileira, que mantinha desde 8 de março de 2008 na GAZETA DE ITAUNA impressa e on line. Mais uma vez, Cajuru cuidando da sua menina dos olhos.
 
O vereador Antônio José de Faria Júnior o Da Lua direcionou "Votos de Congratulações" à Associação na reunião desta semana do Legislativo. Na justificativa do voto, Da Lua não deixou de mencionar seu mais ativo associado, "seu principal idealizador o saudoso Geraldo Celestino de Araújo, o Cajuru". Finalizou desejando "que a ACONITA se fortaleça a cada dia. Que os seus associados continuem a ser a base forte desta instituição e que mais conquistas venham nos próximos anos!".