Emerenciano
da 
Catalunha
Eu poderia ficar quieto no meu canto. Mas com tantas coisas acontecendo me vi, até na obrigação, de escrever, dar minha opinião sobre alguns fatos da cidade. Leiam e tirem suas conclusões

2013  

2012 2011 2010 2009 2008 2007 2006
19/12/09
É isso aí, Sindserv
Há algum tempo andei criticando o Sindserv que estava muito quieto e aceitando as imposições do prefeito Eugênio Pinto, principalmente quando aceitou caladinho aquela miséria de 6% de aumento para todos os servidores, enquanto o prefeito deu um ótimo aumento para ele próprio, seu vice e secretários. E mais uma vez o prefeito e seus auxiliares diretos, vêm dar outro golpe baixo nos servidores. Segundo o Sindserv fez publicar no Brexó de 28/11/09, o prefeito enviou à Câmara um projeto de lei totalmente imoral e inconstitucional. Aliás, partindo desta administração já era esperado um projeto nestes termos. O presidente do Sindserv, Pedro Miguel, pede ao presidente da Câmara, Antônio de Miranda, que o rejeite de imediato, não o mandando nem ao Plenário. E os servidores ao lerem a matéria em questão estão uma arara com o prefeito. Pois ele só faz as coisas em benefícios dos "grandes’’ na administração e o servidor sai sempre perdendo. Os servido-res não têm culpa da incom-petência desta administração, de gastar mal o nosso suado dinheiro dos impostos. Além daquele malfadado aumento de 6% eles querem prejudicar mais ainda os servidores. E os vereadores, principalmente os eugenistas, que só sabem dizer amém ao prefeito, precisam ficar de olho nestas coisas que prejudicam os servidores, ou devem se preparar para manifestações na porta da Câmara e aí, adeus carreira política. Parabéns ao Pedro, pois o que o servidor espera do Sindserv é um sindicato atu-ante, sem medo e que enfrente essa administração de peito a-berto. O servidor não pode ser mais prejudicado por tantos erros desta turma que só pensa neles.
 
13° Salário
E outro golpe baixo está vindo por aí, desta vez lá de Brasília. É que estão querendo acabar com o 13° salário. Dizem que a matéria já foi votada na Câmara Federal e só falta ser votada no Senado. E provavelmente essa turminha lá de Brasília vai deixar para votar só após as eleições de 2010, pois o desgaste político será grande demais. Já circula na internet o nome dos políticos que já votaram pelo fim do 13° salário e oportunamente divul-garemos aqui para ver se o brasileiro toma vergonha na cara e vote só nulo. Não vote em mais ninguém, pois não dá para confiar em político nenhum. E o mais interessante disso tudo é que os deputados federais e senadores, não votam a favor de nada que acabe com suas mordomias. E também não votam a favor de não deixar candidato bandido com a ficha mais suja que papel higiênico no cesto do banheiro, se candi-datarem a cargo eletivo. O povo tem que ficar de olho e os cara pintadas aqueles que derruba-ram o Collor precisam agir para impedir esse golpe contra o trabalhador. E agora PT? Se acabarem com o 13° do povão que faz crescer este país com que cara vocês terão coragem para chegar perto de todos nós, o povo e pedir voto? Estaremos de olho.
 
12/12/09
A vitória do Mirinho
A vitória do Mirinho sobre o Heli Maia para a presidência do Partido dos Trabalhadores veio mostrar o grau de insatisfação com o atual prefeito municipal. Veio confirmar o que estamos falando há anos sobre o desgaste político do prefeito. Eu que conheço o PT desde quando foi fundado por petistas históricos como o Dr. Peri Tupinambás, Onofre Bacalhau, Zé Luiz Pasteleiro e tantos outros. Temos certeza que se estivessem vivos, não gostariam de ver o PT como está sendo visto hoje. O PT é visto como um partido em que o prefeito, a chefe de Gabinete e alguns cargos de confiança perseguem os trabalhadores. A chefe de Gabinete ao perseguir e demitir uma humilde servidora da secretaria de Finanças só fez aumentar mais o ódio que muita gente sente dela. E ela pode ter certeza que muitos petistas que conhecem a história do sofrimento que a moça passou, ajudou muito na eleição do Mirinho. Mas o meu amigo petista disse que quer resgatar a imagem do PT. Eu disse a ele que a atual administração da prefeitura começa uma obra e não acaba, como a ponte da Jove Soares, o asfaltamento da Jove Soares e tantas outras. Quando o atual prefeito tomou posse e a imprensa estava batendo muito nele, eu até pedi a alguns jornais para dar um tempo, para ver o que o prefeito poderia fazer. Ele passou seu primeiro mandato sem fazer quase nada e pelo visto vai passar o segundo sem fazer nada também. E o mais interessante é que você não vê uma única obra grandiosa e a prefeitura ficou endividada da maneira que ficou. Quanto ao Heli Maia eu até lamento a sua derrota, já que ele é uma boa pessoa, honesta e trabalhadora. Mas é como disse meu amigo petista, nós não votamos contra o Heli Maia, votamos contra o prefeito. Portanto o partido não está satisfeito com ele, pois o pessoal do PT sabe que senão conseguirem a prefeitura em 2012, eles não o farão novamente tão cedo, pois todos sabem do desgate político por causa da administração atual. No PT tem cidadãos bons, de bem com as pessoas e não devem deixar que a imagem do partido fique manchada. E os petistas sabem muito bem disso. E outra coisa, antigamente quando o PT era oposição e os jornais criticavam os mandatários da época eles elogiavam os jornalistas dizendo que eram corajosos e independentes. E hoje eles não gostam de críticas e já processaram jornalistas, como o PT fez por duas vezes com a GAZETA, tentando interromper sua distribuição. Vamos ver se o discurso do Mirinho vai ser colocado em prática, onde ele disse que a democracia estaria em primeiro lugar. E que vocês agora passem a cobrar melhorias na atual administração para ver se esta cidade anda. E pelo que estamos vendo, o prefeito e a chefe de Gabinete estão ficando isolados. E olha que num partido político o prefeito é uma estrela de primeira grandeza. Na atual conjuntura está sendo ao contrário.
 
 
28/11/09
Precariedade da saúde
Quando saiu aquela matéria, que deve ter sido paga, no Jornal Edição do Brasil, de Belo Horizonte, dizendo que a saúde em Itaúna é referência no Estado de Minas Gerais a indignação foi grande. Primeiro porque não estamos encontrando médicos nos postos de saúde. De que adianta termos a Farmácia Básica e a Farmácia Popular do Brasil, se não tempos médicos nos postos de saúde para receitar? Por que sem receita você não consegue medicamentos de uso contínuo para pressão, diabetes, etc.
Infelizmente a larva de médicos caridosos que existiam aqui em Itaúna, como o Dr. Coutinho, Dr. Tomáz e vários outros que já faleceram, acabou. O último médico caridoso que havia por aqui era o doutor Walter Mendes Nogueira. Dr. Walter atendia em seu consultório particular as pessoas que podiam pagar, mas atendia com o mesmo carinho e atenção o pobre que não tinha condições financeiras. E se ele tivesse o remédio de amostra grátis ainda dava ao paciente. Estou recordando isso porque devido a precariedade do atendimento médico nos PSFs muitos servidores da prefeitura contavam com a boa vontade do clínico geral de lá, para conseguir receitas de medicamentos de uso contínuo e até mesmo para trocar as receitas de seus familiares. Mas os servidores começaram a reclamar que o médico não quer mais fornecer as receitas e está exigindo a presença da pessoa mesmo não sendo servidor. Infelizmente certas pessoas não estão nem aí para ninguém. O médico é até uma boa pessoa, mas mesmo não gastando papel de seu próprio receituário pois o bloco de receitas é do SUS e a caneta da prefeitura, ele se recusa a dar uma única receita que gasta menos de um minuto para ser preenchida. Tudo bem que ele queira a presença da pessoa, mas sabemos que ele jamais aceitará a presença de um familiar que não é servidor e infelizmente o servidor não tem como colocar um familiar como seu dependente.
O poder público municipal não procura investir na saúde como deveria e alguns médicos, infelizmente, só pensam no dinheiro. Coloquei minha mente para recordar o velório do saudoso dr. Walter há 20 anos quando o velório ficou pequeno para abrigar pessoas de todas as classes sociais que foram se despedir dele. Com ele você, pagando ou não, era atendido, além de ser tratado com toda a educação.
Infelizmente hoje você só é bem atendido se a consulta for particular. Na briga entre Hospital e Prefeitura há pouco tempo, sempre procuramos defender o hospital e os médicos, mas eles também precisam fazer um pouco a parte deles, não deixando de atender a todos que os procuram precisando de atendimento, com recursos para pagar a consulta ou não.
21/11/09
Crítica
Eu sempre disse aqui que criticar um político é um direito que qualquer cidadão tem, pois a Constituição Federal nos permite as críticas. Mas crítica você tem que saber fazê-la, sem entrar na vida particular de ninguém, sem agressões verbais e calúnias. Eu não gosto e não concordo com baixaria, calúnia e qualquer tipo de coisa que atinja a honra de quem que seja.
A crítica você faz para ver se a pessoa criticada muda sua forma de agir. Tem gente que muda, mas tem gente que insiste tanto no erro até cair de vez. É o gosto de cada um.
 
Demissão
Quem acompanha esta coluna deve ter percebido que tenho elogiado muito a primeira dama, Íris Léia, que tem tentado consertar alguma coisa na prefeitura. Não estou com isso mudando de lado, mas quando a gente percebe que alguém está tentando melhorar as coisas, precisamos dar a ela um voto de confiança, mesmo com os radicais sendo contra qualquer coisa. Mas, confesso, que fiquei bem decepcionado quando meu amigo petista me telefonou e disse que uma moça que trabalhava na secretaria de Finanças foi demitida na maior injustiça e a ordem sumária partiu do Gabinete. A moça é uma pessoa muito sofrida, segundo o meu amigo e tanto ela quanto os seus irmãos já têm um trauma para o resto de suas vidas com um problema familiar pelo qual tiveram que passar. O meu amigo ao me relatar o caso me disse que a moça precisava do emprego porque paga aluguel e é hoje praticamente sozinha. O meu amigo até me disse o motivo da demissão, mas não vou relatar aqui por respeito a ambas as partes. Mas foi um gesto mesquinho da parte do Gabinete. Fiquei de queixo caído com a pobreza de espírito de certas pessoas que têm o poder de mando nesta cidade. A revolta por causa de certos atos absurdos é muito grande dentro da administração. Devagarinho a gente vai conhecendo as pessoas e vê que, aquele tratamento, aquela cortesia é apenas com alguns, enquanto que com outros a guilhotina é afiada. Disse o meu amigo que a moça demitida chorou muito e ela era muito querida em seu local de trabalho, educadíssima, conforme testemunhos de seus colegas. Quando recebi este telefonema logo me lembrei de um padre que certo dia disse assim: "Quem provoca dor e sofrimento, recebe dor e sofrimento". Precisa dizer mais mais?
 
Vaidades pessoais
Vaidades pessoais, vinganci-nhas, falta de pensar no povo que os elegeu, de pensar nas cidade, fez com que os vereadores da situação, os chamados eugenistas a derrubarem o projeto que beneficiava o setor cultural de nossa cidade. A pendenga acabou virando bate boca e acabou até com a discussão entre os irmãos Pituca e Paulinho Morada Nova, conforme foi amplamente noticiado pelo imprensa. Na minha modesta opinião, já que não saiu o projeto, conforme foi acordado, acho que os membros deveriam renunciar igual aos membros do Condempace fizeram em solidariedade ao Dr. Guaracy que foi desrespeitado pelo presidente do mesmo na época. Este negócio de ficar dando explicações, batendo boca acaba fazendo mal para a saúde. As coisas quando não saem da forma como queremos é melhor pegar o boné e ir embora. Afinal, gracinha tem hora para ser feita.
 
 
14/11/09
Palpites
E o deputado Marcos Lima continua o mesmo. Ele não vota aqui, não mora aqui, mas vez ou outra aparece para dar palpites na política local. Trazer verbas para Itaúna, tentar conseguir ajuda para o término do hospital Dr. Ovídio, isso ele não faz. Tentar conseguir verbas em Brasília para a construção da nossa ETE - Estação de Tratamento de Efluentes para tratar o esgoto -, ele também não faz. Conseguir verbas para trazer asfalto para nossa cidade, já que o daqui está bem velho e não aguenta mais remendos, ele também não traz. Bem que ele poderia tentar arrumar uma boa verba para a construção do presídio, mas também não liga para isso. Mas aparecer para atrapalhar a chapa do Antônio de Miranda, ele faz. O Marcos Lima só está novamante deputado por pura sorte, já que alguns deputados se elegeram prefeitos e sobrou uma vaguinha para ele, mas continua o mesmo. Antes não fazia nada para a sua cidade e a desculpa era porque não se dava bem com o Ramalho. A administração do Ramalho passou há tempos, mas o Marcos Lima não se deu conta disso e não procura ajudar em nada nossa cidade. O que ele gosta mesmo de fazer são as picuinhas políticas.
 
Indignação 
Causou indignação em muita gente a matéria no jornal Edição do Brasil com data de 25 a 31 de outubro de 2009. A matéria diz que Itaúna é referência em saúde no Estado. Deu vontade de ligar para os repórteres do jornal e pedir para eles virem checar o Plantão 24 Horas, onde você chega às 7 horas e não consegue ser atendido antes das 14, 15 horas. Dizem que papel aceita tudo, mas as coisas têm limite. Os repórteres deveriam visitar o plantão, os postos de saúde para constatarem as deficiências. Por pouco, muito pouco, nosso único hospital não foi fechado por causa daquela famosa briga entre a casa de saúde e  a prefeitura. Portanto é preciso ver as coisas de perto antes de sair publicando por ai.
 
As casas
E mais uma vez as casas no bairro Santa Edwiges vão ficar só na promessa. As construções pararam por quê? Já é a segunda vez que o povo enfrenta fila quilométrica para tentar adquirir a tão sonhada casa própria e a coisa não vai para frente. É de dar dó ver como fazem o povo de bobo.
 
Ônibus
Ouvimos uma reclamação de quem  usa o ônibus Jadir Marinho/Lourdes. De manhã é colocado reforço só da praça para o Jadir Marinho e o bairro de Lourdes fica a ver navios. Colocam ônibus pequenos para o povo e os maiores ficam na reserva, mas na hora de pedir aumento no valor das passagens eles chegam rapidinho, mas não procuram apresentar um serviço de qualidade. Reclamar na Ouvidoria Pública é perda de tempo porque o setor responsável pelos ônibus nem resposta dá. A maioria dos setores não está nem aí para reclamação e o prefeito não cobra, não fiscaliza nada e assim o seu governo vai só pras cucuias.
 
 
07/11/09
Males que vem para bem
Muita gente pode até estranhar o que vou falar, mas confesso que gostei do Osmando ter perdido a Aime que movia contra o mandato do atual prefeito. Gostei porque o Osmando ia pegar uma prefeitura endividada, com restos do que sobrou de alguns caminhões não leiloados e que estão bastante sucateados, o mesmo acontece com o maquinário. Meu amigo petista me informou que até o Siena que o Osmar de Andrade dirigia está parado há 4 meses por causa de um conserto de menos de R$ 200,00. As ruas estão todas esburacadas, com crateras de todos os tamanhos conforme foi mostrado em fotografias na Câmara recentemente. Ele ainda contou que tem uns cinco carros lá no canteiro de obras, encostados, porque não tem dinheiro para consertá-los. E é bem capaz de, ao invés de consertá-los, mandarem os veículos para o próximo leilão. Vamos ficar de olho. 
Outro dia, conversando com um político que já teve mandato eletivo, ele me disse que não entende o que o prefeito Eugênio Pinto está fazendo com tanto leilão de veículos todos os anos. A frota está só diminuindo e pode acabar deixando a cidade em dificuldades. Portanto, o Osmando deve deixar as coisas melhorarem, pegar uma prefeitura enxuta, com recursos e aí, sim, sua volta será triunfal.
 
Relembrando
Um servidor aposentado da prefeitura de Itaúna, ao ver o sucateamento dos caminhões e máquinas no canteiro de obras lembrou que em administrações anteriores o chefe da mecânica era o Roberto que também é hoje aposentado. Esse servidor, de uma época em que detentores de cargos comissionados realmente vestiam a camisa e defendiam a administração para qual trabalhavam, cuidava dos veículos e máquinas como se fossem seus. Sempre tinha dois mecânicos para os veículos a gasolina e dois para os a diesel. Tinham bons lanterneiros e os prefeitos vistoriavam a frota pessoalmente. E tinha a exigência dos superiores, mas tinham bons salários, respeito, disciplina e hierarquia. O ex-servidor me disse que hoje é uma má vontade, contrariedade, preguiça em alguns setores que não dá nem para ficar pedindo muita coisa. Vamos rezar para ver se as coisas melhoram, pois pelo jeito, fazer críticas mostrando os erros não está adiantando muito não. 
 
Projeto Somma
Conforme noticiado nos jornais itaunenses o projeto Somma termina neste mês de novembro. Então a taxa de esgoto terá que cair bastante porque foi elevada para cobrir os custos com o projeto. Agora que está pago não pode continuar a ser cobrado da população, sob pena até de uma ação civil pública. Estamos de olho e veremos se haverá ou não redução.
 
 
31/10/09
Baixaria
A prefeitura de Itaúna e outros lugares foram alvos recentemente de pichações com palavras grosseiras e ofensivas à primeira dama Íris Rodrigues e ao prefeito Eugênio Pinto. Se alguém achou que íamos aplaudir está redondamente enganado pois conforme já disse aqui inúmeras vezes, não concordo com comentários e ofensas pessoais; a vida particular de ninguém me interessa, e muito menos concordo com pessoas que ficam implicando parentes do prefeito, usando deles para atingir Eugênio. Quem não estiver satisfeito, como muitos de nós, escreva para os jornais, torne sua insatisfação pública, faça carreatas e passeatas, mas partir para o lado pessoal, nunca vou concordar. E o prefeito também que se dê ao respeito, para com esta mania de xingar os outros quando cobram dele alguma promessa. Quem quer ser respeitado que se dê ao respeito primeiro, ou seja, respeite os outros também. A primeira dama que sempre está sendo elogiada pelo seu trabalho deve procurar trabalhar a cabeça do prefeito para que ele se contenha quando for cobrado em alguma coisa e não seja ríspido com as pessoas. A imprensa há algum tempo noticiou sua rispidez com autoridades por causa de um vidro quebrado na porta da delegacia. Depois, um membro da Banda Marcial foi até a Câmara reclamar de rispidez do prefeito quando lhe cobrou uma promessa de campanha. O prefeito não deve agir assim porque se a primeira dama for mesmo candidata a deputada isso vai acabar lhe tirando votos. Portanto cautela e canja de galinha nunca fazem mal a ninguém. Aqui a gente critica o homem público, o político e nunca o cidadão.
 
Salário baixo
Um empregado bem antigo da prefeitura nos disse que não demora se aposentar e vai acabar se aposentando com salário baixo. Ele disse que até hoje o prefeito não mexeu no plano de cargos e salários. Muita gente que tinha o direito de entrar na lei do apostilamento, não o fez porque no cargo de origem o salário é bem melhor do que em cargo de confiança. Disse que aceitar certos cargos na prefeitura é fria porque a cobrança do prefeito e de secretários é muita, o aborrecimento de certos subordinados é terrível e então não compensa. Quem aceita cargos comissionados mais baixos, hoje com a defasagem salarial que está, quer apenas mostrar poder.
 
Preocupação 
O empregado ainda disse que o ex-prefeito Osmando tinha uma preocupação muito grande com os salários dos servidores para que não perdessem o poder de compra. E o Osmando se preocupava também em melhorar o salário de quem ia se aposentar, bem diferente do atual prefeito que só melhora o salário dele, do vice e dos secretários. No ano que vem será que vão inventar outra crise para dar só 6% de aumento salarial aos servidores? O Sindserv vai agir para valer?
 
24/10/09
A República de fora
É... parece que a república dos "de fora", ou república dos "estrangeiros" desmoronou. As pessoas que eram tidas como "imexíveis" acabaram não aguentando a pressão e saíram ou estão sendo exoneradas. Será que agora este governo levanta vôo? Será que agora teremos gente de Itaúna, que seja completamente compromissada com nossa cidade e não apenas com o gordo ganhame no fim do mês? Ainda posso ter esperança numa sacudida deste governo?. Quem sabe, né? A esperança é a última que morre!
E a Zenaide cansou de falar em seu Observatório da Corte e alertou o prefeito de que essa gente ia embora e depois o prefeito ia ficar sozinho por aqui respondendo por todas as coisas erradas. Falta de aviso não foi. É só recorrer ao arquivo do jornal. O prefeito agora está tendo problemas com o Ministério Público e o Tribunal de Contas por causa da Lei de Responsabilidade Fiscal. E de quem é a culpa? Quem foi que colocou o prefeito numa sinuca de bico? Não precisa nem falar, pois para o bom entendedor, meia palavra basta, né? Sempre disse nesta coluna que quando o prefeito tomou posse em 2005, deveria ter escolhido para sua equipe pessoas da cidade, compromissadas com Itaúna, que fizesse poucas modificações no segundo e terceiro escalão, formados por aqueles que no dia a dia trabalham para que a máquina funcione de maneira correta, sem sobressaltos e surpresas desagradáveis. O secretariado é só para assinar e observar a legalidade dos projetos e leis. Na hora do vamos ver são os servidores de cargos mais humildes que aguentam o tranco. E o que o prefeito Eugênio fez? Perseguiu os que ganham pouco, deu aumento de apenas 6% para a turma que trabalha mais e até hoje persegue aqueles que votaram no Osmando nas últimas eleições. A gente até achava que a chefe de Gabinete estava fazendo o prefeito acordar mas pelas últimas notícias, ledo engano. Mas não podemos deixar de lembrar que algumas das mexidas foram boas, como o caso da secretaria de Infraestrutura, agora sob comando do Célio Gonçalves, que tem procurado mostrar serviço, apesar de quase não ter dinheiro na sua pasta para mostrar obras. Célio tem se mostrado um trabalhador incansável e tem pelejado para consertar as tantas coisas erradas na cidade. E a gente espera que com tantas outras mudanças a serem feitas, haja maior controle do dinheiro público para que sobre dinheiro para obras, para manutenção da frota de veículos, para deixar de leiloar todos os anos maquinário que precisa apenas de manutenção adequada. É preciso que pare esta gastança com aluguel de carros  e, com o dinheiro economizado, comprar carros populares e caminhões mais baratos. Os caminhões da prefeitura estão sendo todos vendidos e não vemos aquisição de nenhum. O prefeito também precisa ser mais presente nas ruas, assim quem sabe percebe as bobagens e passa a evitá-las?
 
17/10/09
O pior cego
Existe um ditado que diz que o pior cego é aquele que não quer ver. Você mostra as coisas para ele, mas não adianta, ele não quer enxergar. E insiste com aquilo até cair no buraco. Depois que cai e vê as consequências, já é tarde demais. Faço este comentário porque fiquei sabendo através do amigo petista que os maiores inimigos do prefeito Eugênio Pinto são algumas pessoas de sua confiança. Digo alguns porque ali trabalham várias pessoas em cargo de confiança que realmente se dedicam e mostram um bom serviço. Mas muitas dicas já foram dadas ao prefeito, mas ele não abre os olhos, não ouve os alertas.
Ele sabe muito bem que alguém o colocou numa fria por causa da Lei de Responsabilidade Fiscal. Mas este já se foi, graças a Deus e quem sabe quais outros irão? 
A GAZETA sempre foi muito mal interpretada pela administração municipal. Tanto nossa diretora, Zenaide Gomes como este colunista cansamos de alertar o prefeito nas nossas críticas. Mas ele sempre nos considerou seus inimigos, chegou a chamar a GAZETA de jornal de segunda categoria, nunca conseguiu enxergar que tentávamos abrir seus olhos, mostrar que estava criando cobras que um dia o picariam. Mas era malhar em ferro frio. Mesmo com a saída de Shirley e Osmar ainda existe muita disputa interna e pirraça entre alguns cargos de confiança e enquanto isso, a administração vai só afundando. Acorda, Prefeito! Pare de achar que as críticas vêm de inimigos. Inimigos são alguns que estão perto de você! E esses são os piores deles, porque inimigo que se faz passar por amigo é o mais perigoso.
 
Substituir
Vocês já ouviram falar que ninguém é insubstituível? E é a mais pura verdade. Essas pessoas que ficam com guerrinha de nervos e disputa interna precisam ser substituídas, mas o prefeito não encontra substitutos. Encontra sim, basta querer. Quem não está produzindo a contento e ainda fica "apunhalando" o prefeito pelas costas tem que sair para que o governo melhore. Não é possível que não exista um servidor de carreira, que já está na administração há anos que não tenha competência para substituir os pirracentos que insistem em mostrar poder em detrimento de toda uma comunidade.
Enquanto o prefeito está preocupado em perseguir os servidores que votaram no Osmando, algumas pessoas em que ele deposita total confiança é que estão levando seu governo "pras cucuias". E ele sabe disso mas não toma providências porque? Acorda, homem!
 
Visitar e cobrar
Outra coisa que o prefeito precisa fazer é parar de viajar e crescer barriga dentro do Gabinete. E quando um nome de sua confiança disser que está resolvido, deve ir pessoalmente verificar o resultado. Tem muita gente enganando redondamente o prefeito pois sabe que ele não visita e não é de cobrar solução. Depois fica furioso quando o povo vai para a imprensa e cobra solução das coisas. O prefeito precisa acordar!
 
10/10/09
Representatividade
Certo dia o presidente da Apac, Valdeci, disse na cara dura que Itaúna não tinha representatividade política. Concordo com ele e como preso não vota e nem gera voto, os políticos vão só empurrando com a barriga a construção de presídios. As cadeias vão virando amontoados de gente, onde até para dormir precisa fazer revesamento. Quem não se lembra da década de 80, do famoso depósito de presos da Lagoinha, em Belo Horizonte, quando os presos criaram a "ciranda da morte", onde a cada dia um preso era sorteado para morrer e assim dar mais espaço aos outros? Então como a coisa estava pegando muito mal para os governos da época, deram um jeito de construir mais penitenciárias e acabaram com o malfadado depósito. Em Itaúna, pelo que todos acompanham na imprensa, quase toda semana, a cadeia está um barril de pólvora, prestes a explodir. Só espero que não comece aqui uma "ciranda da morte" para chamar atenção dos governos para que comecem a agir com seriedade.
 
Bancada fraca
Outra bancada de políticos fraquíssima é a dos deputados federais e senadores mineiros. Eles não conseguem a conclusão do metrô de Belo Horizonte, nem sabendo que a Copa de 2014 está chegando e provavelmente nossa capital sediará alguns dos jogos. É a verdadeira turma dos come-quietos, que só querem se dar bem. Enquanto a gente vê as bancadas de outros estados brigando e conseguindo benfícios, a mineira não quer nada com a dureza. 
 
A razão e o coração 
Gostaria de falar aqui há muito tempo sobre os comerciantes de nossa cidade. É comum a gente ouvir queixa de balconistas que, mesmo muito cansados, não podem se sentar um pouco para descansar as pernas, mesmo quando não há ninguém para ser atendido, porque alguns comerciantes não permitem. Alguns deles, só alguns porque tem muito comerciante que é bom patrão e tem bom coração. Agora o leitor imagine: o balconista sofre de 9 da manhã até as 18 horas, não podendo se sentar um pouco. Lembro a estes comerciantes que assim agem que uma pessoa fica em pé ou sentado em demasia há risco de uma trombose. Conversando com um médico sobre o assunto ele lembrou ainda dos danos na coluna e uma outra série de problemas causados por isso. Não vamos citar nome de comerciante nenhum, até porque alguns deles, mesmo sem coração, são amigos próximos. Mas um pouco de bondade nos negócios não dá prejuízo a ninguém. O alerta é também para evitar a estes comerciantes uma futura indenização se o empregado conseguir provar na justiça que ficou com problemas de saúde por causa da maneira como era obrigado a trabalhar.
 
03/10/09
Cuspiu no prato
Ao ler na imprensa sobre a votação da aprovação da prestação de contas do ex-prefeito Osmando, referente ao ano de 2000 me deparei com o vereador Marcinho Bernardes votando contra. E logo o Marcinho que foi secretário de Assistência Social no governo Osmando! Os comentários nas rodinhas de conversas são de que o Marcinho cuspiu no prato que comeu.
Talvez, no afã de agradar seu novo chefe, ele nem deve ter se lembrado que foi secretário de Osmando. Aliás, dizem que teve até reunião no Gabinete do Eugênio para que as contas de Osmando não fossem aprovadas. Mas é como disse o presidente da Câmara, Toinzinho: queremos ver é a hora da aprovação das contas de Eugênio. Afinal de contas ainda continua em moda aquele ditado: quem com ferro fere, com ferro será ferido.
 
Contra o povo
O povo que usa coletivos estava confiando nos vereadores para que a passagem de papel voltasse e achava que a oposição estava unida e derrubaria o veto do prefeito. Mas, na hora H, alguns vereadores pularam para o lado do prefeito e da empresa e traíram o povo. Conforme eu disse aqui, mais ou menos sabemos que são eles mas não podemos falar porque se estivermos enganados não cometeremos injustiças. Mas que em 2012 vocês terão o troco, isto é certo. Quem trai não pode reclamar de ser traído. 
 
A Lei
Li em um jornal da cidade que um comerciante do bairro de Lourdes teria sido preso por descaminho ou seja, comprar e vender mercadorias sem nota fiscal. Com certeza ele será condenado por isso, mas a gente vê os Sarneys da vida, o Delúbio Soares, José Genoíno, José Dirceu, Marcos Valério (só de ouvir este nome, a Zenaide arrepia) e tantos outros aprontarem  coisas piores, não defendendo o comerciante itaunense, e foram inocentados só porque são amigos do "homem". Se a lei é para todos e todos são iguais perante ela porque só peixe pequeno cai na rede e tubarão não? Por isso  concordo com a palestra que o ex-promotor de Justiça e atual reitor da Universidade de Itaúna, Dr. Faiçal, na Procuradoria Geral de Justiça. Ele falou o que a gente gosta de ouvir, ou seja, a verdade. 
 
Gostei muito 
Outra coisa que gostei muito foi a carta aberta ao Renato Aragão, o Didi dos Trapalhões, publicada aqui na GAZETA, sobre a  contribuição que a Rede Globo pede para o Criança Esperança. Se o governo usasse bem os volumosos recursos que arrecada e se os políticos, nem todos, claro, parassem de roubar, nem o Didi e nem a Globo precisavam ficar pedindo ajuda e não pode nem ser descontado no imposto de renda, mas é lá que eles descontam. Muito espertinhos, não? Parabéns Eliane, concordo plenamente com você. 
 
Finanças 
A pessoa querer contestar um contador que tem até pós graduação em contabilidade, que entende de finanças a fundo, não pega bem. Parabéns ao contador da Câmara, Antônio João de Andrade que mostrou para todos nós itaunense que mentira  tem perna curta. As finanças da PMI continuam bem.
 
26/09/09
Os traíras
Mais ou menos a gente sabe quem  traiu o povo votando contra o projeto do vereador Delmo Barbosa que permitia que as passaginhas de papel voltassem ao uso. Só não vamos citar os nomes dos traíras para não cometer injustiças, mas deu para perceber o quanto o poderio econômico tem influência sobre as pessoas. Deu para perceber que candidato em campanha é uma coisa, se vence as eleições, vira outra. Depois que estão no poder, recebendo do nosso bolso, eles simplesmente nos dão uma "banana".
Agora que viram a burrada que fizeram já tem vereador propondo acabar com a votação secreta por causa do desgaste político que a votação provocou a eles. E o prefeito Eugênio Pinto também só esperou passar as eleições para forçar uma bilhetagem eletrônica para os servidores municipais. Mas não tem problema não, em 2012 o troco virá; já que por muito pouco não veio no ano passado.
 
Falha imperdoável
Mais uma vez a atual administração cometeu uma falha imperdoável. No dia 30 de agosto faleceu o ex-prefeito municipal Célio Soares de Oliveira, o Célio Calambau. O ex-prefeito deveria ter sido velado na Câmara Municipal ou no saguão da prefeitura que ele construiu, mas nem a atual administração e nem a presidência da Câmara deram a mínima para isso, e nem decretaram luto oficial, conforme é de praxe. Mas não tem nada não. No velório municipal dr. Célio recebeu o carinho e as devidas homenagens do povo por quem ele muito fez em seus dois mandatos. 
O Executivo e o Legislativo falharam também quando do falecimento do Bandinho. Quando os administradores não têm este tipo de cuidado cabe aos seus assessores lembrá-los e até mesmo ajudar na preparação da cerimônia de adeus ao falecido. Mas isto já é querer demais aqui em Itaúna, né?
 
É isso ai
Li na imprensa trecho do discurso do reitor Faiçal na Procuradoria Geral de Justiça e concordo plenamente com ele. Sobre a questão do usuário de drogas, também acho que a pena deveria ser tão pesada quanto a do traficante, porque se o traficante existe é porque o usuário é o fomento. Também concordo com ele quando diz que a justiça está mais preocupada com o direito dos bandidos do que com o das pessoas de bem. Quando você perde um parente de forma trágica, assassinado por exemplo, sua vida nunca mais será a mesma. Mas se o assassino cumprir um terço da pena e tiver bom comportamento,  ganha a liberdade condicional. Isto causa revolta nos parentes da vítima. Na minha opinião bandido tem que ser tratado como bandido. Gostei muito do que li sobre a palestra do nosso reitor. 
E a justiça tem que ser mais rígida também com o menor delinquente para ele perder esta sensação de que nunca dá em nada muito sério e por isso comete crimes novamente. Do jeito que estão as coisas, bandido hoje não teme nem cadeia porque está cercado de direitos humanos.
 
16/09/09
Não ao Lula
O eleitor precisa dizer um não bem grande para o Lula em 2010, não votando na sua candidata Dilma Roussef. A verdade é que o Lula vem sacaneando com os aposentados há tempos, não equiparando a aposentadoria com o salário mínimo. E agora, para piorar, muitas pessoas que estavam prestes a se aposentar terão que trabalhar mais alguns anos para encaixar no fator 85/95 e se aposentar com seu salário integral. 
Os que aposentaram a algum tempo atrás não terão benefício algum e terão que entrar na justiça. Portanto, nós que seremos os aposentados de amanhã temos que ser solidários com os aposentados de hoje. É preciso que nos unamos aos aposentados e neguemos a continuação do governo Lula, não elegendo a Dilma para a presidência e evitando assim a continuação da sacanagem com os aposentados. Quando o Lula era oposição e torneiro mecânico, defendia os aposentados. Agora que é situação e não mais vai precisar da sua aposentadoria como torneiro, esquece de tudo. Político no poder esquece as coisas bem rápido, né?
 
A morte do Calambau
Faleceu no último dia 30 o ex-prefeito Célio Soares de Oliveira, mais conhecido como Célio Calambau. Foi prefeito de Itaúna por duas vezes, sendo o primeiro mandato de 1958 a 1962 quando construiu a sede da prefeitura, a fonte luminosa (totalmente abandonada pelos prefeitos posteriores), várias caixas d'agua no altos dos morros quando finalmente o povo de Itaúna pode ter água encanada em casa. Construiu a antiga sede do Tiro de Guerra, na praça José Flávio, redes de água e esgoto, o teatro Vânia Campos e muitas outras coisas. 
No seu segundo mandato construiu a capela velório que foi terminada pelo prefeito Francisco Ramalho. Construiu o quartel da Polícia Militar, comprou vários caminhões, tratores e carros para a prefeitura etc. 
Seu segundo mandato, que teve início em 1977 e terminou em 1982, trouxe os carnavais mais bonitos e brilhantes que Itaúna já apresentou, quando a comissão julgadora era composta, em sua maioria, de atores da Rede Globo que ficavam maravilhados em ver Castores, Pães e Zulus desfilando na praça da Matriz. Que o Dr.  Célio descanse em paz! 
 
05/09/09
E a troca?
O que aconteceu com a Iris Léia? Porque as trocas de secretários  estão demorando tanto? Estamos esperando as mudanças, confiando na chefe de Gabinete. Até os jornais de oposição têm elogiado a sua educação no trato com as pessoas e na sua boa vontade em mudar muita coisa nesta administração. Esperamos realmente que sejam feitas mudanças, que secretários polêmicos saiam porque nada disso é bom para a imagem do prefeito Eugênio Pinto e ele sabe disto. Aqueles que não rendem muita coisa e ainda são encrenqueiros têm de ser trocados mesmo. Agora o que não aceitaremos calados é a maldade e perseguição com servidores, os que realmente carregam a prefeitura nas costas. Muitos deles foram injustiçados por este prefeito e agora, a gente espera que a Iris repare estes erros, porque com certeza ela será candidata a algum cargo eletivo e vai precisar de apoio dos servidores municipais. Continuamos acreditando e esperando por mais mudanças.
 
Qualidades?
Recebi um exemplar do jornal Edição do Brasil, nº 1379, em que está uma matéria onde o deputado federal Miguel Correa destaca as qualidades da administração Eugênio Pinto. Pelo jeito o deputado não conhece direito a administração municipal porque quem já viu as administrações de prefeitos anteriores, que fizeram tudo com muita competência, zêlo com o dinheiro público, controle de gastos, não há nada de se elogiar no atual governo. 
 
E agora?
Existe um ditado que diz que mentira tem perna curta e como tem! A ex-secretária Shirley Regina andou procurando parte da imprensa para dizer que a crise havia afetado as finanças da prefeitura e por isso o aumento dos salários dos servidores poderia ser de apenas 6%. Enquanto isso o prefeito e seu vice tiveram 100% de aumento e os secretários, de 54%. Agora a casa caiu e a mentira foi por terra. O contador da Câmara, Antônio João de Andrade, publicou em alguns jornais que a crise não afetou a arrecadação da prefeitura. Em um gráfico bem explicado, João mostra que a arrecadação cresceu e, agora a gente vê que se deram um aumento mixuruca para os servidores foi por pura covardia do prefeito e da secretária de Finanças, agora EX! E como fica o SINDSERV nesta? Na época eles engoliram esta mentira e agora terão que lutar para que o servidor tenha um aumento significativo no próximo ano, para compensar 2009.
 
Novo aumento?
A Autotrans trouxe alguns ônibus novos no meio do ano e será que no final do ano vai pedir mais um gordo aumento no valor das tarifas? A passagem em Itaúna já é uma das mais caras do Estado, só perdendo para Belo Horizonte, e uma das mais caras do país. O ônibus perdeu a sua função social e hoje está servindo para enriquecer muitos empresários e como o "prefeito do povo" não dá um basta nisto, a coisa vai só piorando.
 
29/08/09
A saída da Shirley
A maneira da atual administração tratar o servidor, dependendo de quem ele é, tem dois pesos e duas medidas. Estou comentando isto porque a ex-secretária de Finanças, Shirley Regina, foi exonerada e lá na prefeitura tentaram blindá-la a todo custo dizendo que foi ela quem pediu a exoneração. Agora quando um servidor erra, ou às vezes nem erra, o secretário é quem erra, mas joga a responsabilidade nas costas do servidor, a administração abre processo administrativo contra o mesmo e ainda publica o ato com o nome do servidor no jornal oficial do município. Depois de várias apurações, muitas vezes nem se consegue provar nada contra o servidor e o nome dele já foi jogado à execração pública. Um dos últimos atos que vi no jornal foi sobre um servidor do SAAE, que supostamente teria ido a um motel no carro da autarquia, em Belo Horizonte. Pelo menos, neste caso, omitiram o nome do servidor e estão apurando os fatos. O certo é isso, até que se prove o contrário qualquer pessoa é inocente. Portando não entendi o excesso de zelo em querer preservar a verdade sobre a exoneração da Shirley. 
 
Excesso de servidores
Em sua carta de despedida a ex-secretária Shirley disse que aumentou de dois para dezessete o número de servidores na Controladoria Municipal. E olha que antes a Controladoria, com apenas dois servidores, funcionava muito bem. Depois acham ruim quando a gente diz que a prefeitura e o SAAE viraram cabide de emprego. O amigo petista me disse que tem sala no prédio da prefeitura que as pessoas têm que passar de lado, de tanta mesa no ambiente. E ainda segundo ele, o pior é que, muitas vezes, colocam excesso de gente em um setor e em outros, falta gente para o trabalho. Que falta de critério, não é? 
 
Kombis em leilão 
A atual administração insiste em colocar os carros para leilão ao invés de consertá-los. O nosso amigo petista disse que duas kombis irão a leilão, o veículo que a prefeitura mais precisa para carregar trabalhadores para qualquer canto da cidade. É preciso recordar à prefeitura que é proibido transportar pessoas em carros abertos como caminhões, mas não adianta falar, né? E a van Fiat Dukato, ano 2004 e o Fiat Uno, 2005, vão mesmo a leilão. Pooooooode? 
 
Aposentados 
Na próxima semana a coluna pretende comentar sobre a traição do governo Lula em resistir em equiparar a aposentadoria ao salário mínimo. Quando era peão os aposentados tinham sua defesa, e hoje....
 
 
22/08/09
Sem violência
Quem acompanha esta coluna desde seu começo sabe que condeno a violência e a agressão, seja verbal ou física, ofensas pessoais e por aí afora. Já disse aqui algumas vezes que não concordo com pessoas insatisfeitas com a atual administração municipal que se vingam atacando os parentes do prefeito. Sempre disse aqui que não concordo com as pessoas que ficam enchendo a paciência dos primos, irmãos e do pai do prefeito, Sr. Afonso, a quem temos na mais alta estima. Critico sempre a administração do prefeito Eugênio Pinto e, enquanto houver motivos, continuarei criticando. Mas o que aconteceu com a chefe de Gabinete, a agressão feita a ela quando foi atingida por um sapato, é intolerável e com este tipo de coisa, nunca concordarei. As pessoas que estão insatisfeitas, que façam suas manifestações pacíficas, carreatas, escrevam para os jornais, mas ofensas e agressões, não. Além do mais o Código Penal, em seu artigo 331, reza que desacatar funcionário público, no exercício de sua função, é passível de pena de detenção de 6 meses a 2 anos ou multa. Portanto, fica aí o alerta para os mais nervosinhos. 
 
Troca de secretários 
Será que finalmente a administração municipal acordou? Alguns de nossos secretários precisam mesmo ser mudados. Alguns deles não fizeram muito pela cidade e outros até prejudicaram. Na troca da secretaria de Educação, quando a Marisa Pinto saiu e entrou o Heli Maia, já deu para notar as melhorias. Nunca mais ouvimos reclamações de perseguição. Foi só o Célio assumir, ainda que interinamente a pasta de Infraestrutura, que já podemos ver alguma melhoria nas ruas. Mas ainda é preciso consertar muitas coisas como postos de saúde na zona rural, centros comunitários, estradas rurais etc.
O Valdir Melo assumiu a secretaria de Finanças e dele a gente espera que conduza os recursos do povo, o dinheiro público, com mais responsabilidade, que respeite a lei de Responsabilidade Fiscal, que saiba fazer economia nos lugares certos para que sobre dinheiro para investir em áreas importantes como saúde e no servidor, dando a ele um salário mais digno para que possa suportar melhor os aumentos inevitáveis como nas tarifas de ônibus, água, energia elétrica e alimentos. 
Esperamos que o prefeito Eugênio Pinto dê uma sacudida neste governo contratando gente competente para trabalhar, gente que queira mostrar serviço. E nada de trocar seis por meia dúzia, tirar de uma cadeira para colocar em outra apenas. Assim não dá. Precisamos de sangue novo, gente que conheça da área que vai assumir. Tenho esperança de que as coisas estão caminhando para boas mudanças, porque do jeito que está, ninguém aguenta mais.
.15/08/09
Mostrando serviço
O novo secretário de Infraestrutura, Célio Gonçalves, já começa a mostrar serviço frente à sua pasta. Já iniciou a operação tapa-buraco em nossas ruas que estão uma vergonha. Mandou dar uma boa limpeza no canteiro de obras que estava muito sujo e bagunçado, segundo informações que nos chegaram. Se o Célio continuar neste ritmo ele pode deixar de ser interino e ser efetivado pois já deu para perceber que tem zêlo com a coisa pública. Então, é isso que esperamos do prefeito. Para que a máquina ande, é preciso de gente de responsabilidade no comando das secretarias, que se preocupe com a cidade e não apenas com o gordo salário no final do mês. Tomara que o Célio vá em frente, mostrando serviço para que não tenhamos que fazer críticas. 
 
É preciso mexer 
O prefeito precisa realmente mexer no seu secretariado. É preciso colocar gente que goste do que faz e que esteja preocupado com a cidade. De preferência que seja de Itaúna, que tenha compromisso em servir a cidade e aos seus munícipes. Se continuar do jeito que está serão mais quatro anos de mesmice e marasmo. Esse negócio de pegar gente da oposição para fazer com que cale a boca e a administração não corresponder, de nada adiantará. É preciso que o prefeito deixe de ser cabeça dura e dê uma mudada em alguns secretários. Depois ele acha ruim a imprensa e o povo criticar negativamente. Acorda prefeito! 
 
Museu Etnológico 
Outro coisa que queremos saber é onde estão as peças antigas do Museu Etnológico que ficava ao lado do atual museu. Sabemos que foi doação de um morador da zona rural de Cachoeirinha e ainda de muitos itaunenses. Queremos e temos o direito de saber onde está guardado o acervo do museu e se está em local seguro pois existem ali muitas raridades. Uma pessoa da prefeitura me contou que o museu foi desativado por falta de dinheiro para pagamento do aluguel... 
 
SAAE 
É doloroso para o bolso de qualquer comerciante gastar 10 metros cúbicos de água e pagar 90 reais, que é a taxa mínima. Você paga pelo que não gastou. Vamos ver se os vereadores derrubam o veto do prefeito à lei de Delmo e cobre somente pelo hidrômetro. E onde está o Procon e a Promotoria de defesa do consumidor? O povo não aguenta mais.
 
08/08/09
Praça Antônio Italiano 
Fui conhecer a tão falada e criticada Praça Antônio Italiano, no bairro de Lourdes. O que vi comprova tudo que alguns jornais denunciaram: material de péssima qualidade, bancos e mesas já destruídos e uma praça dentro do buraco. Deveriam ter feito um paredão no fundo e aterrado o terreno até o nível da avenida Dorinato Lima. Mas não, até aproveitaram o paredão de cimento da antiga Siderúrgica Ema, que era naquele local, Acho que a atual administração deveria aprender com o prefeito de Itatiaiuçu, Wagner Chaves, como se faz uma praça. A praça Antônio Quirino, da vizinha cidade, ficou um luxo só e está de pé até hoje. 
 
Ponto de ônibus 
Durante minha visita à Praça Antônio Italiano, alguns moradores do bairro de Lourdes reclamaram que tiraram o ponto que era em frente à rua Afonso Pena e colocaram em frente à rua José Beba. Resultado: o ponto ficou longe do ponto da rua Pedro Soares e muito próximo do que é em frente à rua José Herculano. A raiva dos moradores é que se perder um ônibus no sentido bairro centro o usuário acaba perdendo o outro no sentido centro bairro que retorna ao centro pela avenida Jove Soares. Os pontos eram quase em frente um do outro e agora ficaram distantes. Os moradores ainda disseram que quem poderia brigar para retornar com o ponto pelo menos para ao lado do padrão de luz da praça Antônio Italiano era Balbina Tristão. Mas agora ela está trabalhando na prefeitura e com certeza não vai querer desagradar o prefeito. Outro detalhe que contrariou o povo foi que fizeram o palco da praça do lado da guarita de ônibus. Outro dia, durante uma festa no lugar, com barraquinhas e tudo mais, impediram o ponto. O povo não sabia se pegava ônibus no ponto antigo, se pegava na beira da rua Dorinato Lima e a coisa foi só embananando. Também inauguraram a praça sem asfaltar o calçamento e quando os coletivos param levantam uma poeira danada. Vez ou outra mandam um caminhão pipa molhar a rua, mas às vezes passam dias sem esta providência. Agora vejam mais uma imbecilidade desta administração: colocaram a guarita em frente à rua José Beba, antiga rua 10. Se um caminhão perde o freio descendo a rua ele mata todo mundo que estiver na guarita. Ponto de ônibus não pode ser em frente a descidas. Os moradores sabem que se acontecer uma tragédia, podem acionar a prefeitura na justiça. Então, antes que aconteça alguma coisa, deveriam tirar a guarita de lá e colocar em local mais apropriado, ou seja, perto do padrão de luz. E quem está na praça, esperando pelo ônibus não tem visão do coletivo que está vindo no outro sentido e acaba perdendo os dois. Eta povo ruim de serviço e de inteligência!
31/07/09
Despreparo
Conforme a Zenaide comentou em seu "Observatório da Corte", do dia 11/07/09, edição 460, quem leu os jornais que fizeram a cobertura da Audiência Pública da Infraestrutura, achou o secretário Cláucio fraquinho, fraquinho em sua pasta. Mas, assim como a Zenaide, não acho que a culpa seja de Cláucio (que até pediu exoneração do cargo nesta semana). A culpa é da falta de planejamento da atual administração que não tem nem plano de governo. Naquele "Observatório" foram recordadas inúmeras obras dos governos do Ramalho e  Osmando. Gostei! Gostei porque uma mulher que não quis se identificar mas gosta de bajular o prefeito Eugênio Pinto, questionou no jornal Brexó, do dia 11/07/09 o fato do Osmando ter recebido uma medalha de Amigo dos Bombeiros. A mulher em questão disse que o Osmando não conseguiu trazer os bombeiros para Itaúna. Se o Osmando não trouxe os bmbeiros, sabemos que abriu caminho para a vinda deles e se ela tivesse lido a GAZETA do dia 11/07/09 veria as obras do Osmando em seus três mandatos e não ficaria fazendo comentários absurdos.
 
Desmonte
Agora esta senhora que foi defender a atual administração, deveria ter comentado o que eles desmontaram por quatro anos de (des) governo como por exemplo o Teatro Sílvio de Matos, que nunca vão conseguir colocar como antes; como não vão conseguir acabar com a cratera que restou da obra do Estado na ligação da rua Silva Jardim com av. Jove Soares; como não conseguirão nunca renovar o asfalto da av. Jove Soares. Acabaram com o Conselho Municipal de Cultura que, com muita luta, voltou a existir. Interromperam a reforma da Igreja do Rosário e criaram caso com uma réplica do Cristo Redentor que está lá perto. Perseguiram servidores e perseguem até hoje. Aumentaram de forma exagerada o número de servidores municipais na prefeitura que na época do Osmando era de cerca de 1.800 e agora são quase 3.000. Realizaram os leilões em 2006 vendendo praticamente toda a frota de caminhões da prefeitura e segundo informações que tive, se leiloarem os caminhões que estão programando, só restarão seis caminhões na frota. Três estão rodando, apesar de bastante sucateados, um basculante e dois de carroceria. Outros três são Mercedes que compraram no final de 2007.  E quinze a vinte caminhões e carros foram a leilão.
Então ao ler o que escreveu a Zenaide fiquei me lembrando destes prefeitos que trabalharam bem o dinheiro do povo, mostrando serviço. E as obras deles, além de irem até o final, serem finalizadas, eram boas para toda a população e duráveis. Portanto, a Zenaide tem razão, o Cláucio não tem culpa. Ele tem até boa vontade, mas não ter dinheiro para nada é triste. E os vereadores precisam continuar de olho nos carros que vão a leilão pois fica muito mais barato consertar que alugar. E meu amigo petista anda dizendo que eles querem é leiloar mesmo. Vamos trabalhar nisto, vereadores. Foram eleitos para uma coisa: fiscalizar!
 24/07/09
Troféu Tancredo Neves
Confesso que fiquei com medo de ter um enfarte ao ler na imprensa e na internet que o atual administrador do Município estava recebendo o troféu Tancredo Neves por gestão eficiente. Sinceramente não entendi que gestão eficiente é essa, que nestes tempos de crise como eles mesmo alegam, dão um aumento de 9,8% na água e esgoto, 18% nas tarifas de ônibus, 100% para o prefeito, 54% para os secretários, 6% para os servidores e ainda fui informado pelo meu amigo petista que o sopão que é servido para os operários lá no canteiro de obras é agora apenas macarrão branco. Não tem mistura de legumes e verduras e nem de carne. Também denunciaram aqui e os vereadores Lequinho, Edinho e Silvano puderam comprovar que veículos em bom estado, que podem perfeitamente serem consertados, vão a leilão. Tem Fiat Uno 2005, Van Fiat Dukato 2004, doada pelo governo do Estado e vários automóveis que estão fazendo falta para os servidores trabalharem. O amigo petista ainda me disse que uma Kombi foi encostada para leilão apenas porque deu problemas na bateria. Outra coisa que acabou, porque não tinham dinheiro para pagar aluguel, foi o museu etnológico que ficava ao lado do museu Francisco Manoel Franco ali na praça da Estação. A fonte luminosa desde 2005 não é ligada mais. As ruas até hoje em vários lugares tem buracos e mais buracos. Faltam remédios nos postos de saúde, nas farmácias básicas, o plantão 24 horas não funciona como devia, faltam médicos para atender toda aquela gente. Gastaram uma grana preta com o projeto de retirada da linha férrea dentro da cidade e hoje nem se fala mais nisso. Compraram um Vectra preto caríssimo para ser o carro oficial e o carro fica mais parado, enquanto usam dois Siena locados. Faltam uniformes para os trabalhadores braçais e uma política adequada de manutenção de veículos. Venderam em leilões desde 2006, segundo ainda o amigo petista, quase vinte caminhões e compraram apenas três caminhões novos em 2007. E estão quase vendendo o resto, se os vereadores não tomarem uma atitude. Estão vendendo tudo e não estão comprando nada para repor a frota. Isto e muito mais tem acontecido em nossa prefeitura e  imagino que Tancredo Neves, avô do governador Aécio Neves, deve ter revirado várias vezes no túmulo com essa ''eficiente gestão''. E, se fossemos falar mais coisas não caberia neste espaço. Que Deus tenho piedade de todos nós e a alma de Tancredo também!
 
11/07/09
Basta querer
O povo está sem entender o prefeito Eugênio Pinto que está chamando todos os seus adversários e até alguns inimigos políticos para trabalhar com ele. Mas isto não é de se admirar, pois ele e alguns cargos de sua confiança em 2005 começaram a pescar conhecimentos do serviço público e foram pegando os servidores antigos e encostando todos nos mais variados setores da prefeitura. A turma que conhecia bem dos serviços públicos foi humilhada, encostada, maltratada por eles, os servidores de cargos de confiança, e deu no que deu. Ficaram perdidos e a administração 2005/2008, não precisamos nem fazer comentários. Basta ver o resultado das urnas. E, com toda a certeza, o prefeito pretende fazer seu sucessor nas eleições de 2.012. Assim, ele está apertado, não sabe o que fazer para aumentar a sua popularidade que caiu bastante e sua administração está sendo muito mal vista, principalmente por causa da área da saúde. Resumindo o povo está de saco cheio. Nós que andamos nas ruas, conversamos com o povo é que sabemos o verdadeiro sentimento das pessoas. Não adianta vir com pesquisa apontando popularidade alta, o povo não engole mais isso; não adianta vir prêmios porque o povo sabe que estes prêmios são feitos na verdade por adesão, ou seja, custam dinheiro, são comprados. Acredito que seja por isso que o prefeito anda convidando adversários. E o pior é que estes adversários, depois de todas as acusações feitas, estão aceitando os cargos. Se Eugênio tivesse humildade desde o seu primeiro governo e principalmente respeito pelo cidadão itaunense ele teria aproveitado vários secretários do Osmando. Se tivesse  hombridade de manter os cargos menores, os que carregam a prefeitura nas costas, em seus devidos lugares, tudo poderia ser diferente. Mas não, chegava um imbecil da vida e enchia a cabeça do prefeito de fofocas e mentiras e ele nem chamava o servidor para conversar, lhe dar o direito sagrado da defesa. Simplesmente, num ato autoritário, próprio de ditadores de calças curtas, mandava encostrar o servidor em outro canto, quando não cismava de demiti-lo.
Sei de um servidor que chorou de felicidade quando Eugênio se elegeu em 2004 e depois foi totalmente injustiçado pelo prefeito. Penso que é tanta gente torcendo contra que as coisas acabam indo para o buraco mesmo. Só espero que o prefeito seja mais humilde, abra os olhos, repense a sua maneira de administrar, de tratar seus subalternos, porque um servidor me contou uma coisa que me deu a impressão de que nunca conheci aquele rapaz da Ponte, filho de um humilde alfaiate e de uma humilde servidora pública. Se o prefeito tomasse tento, ainda poderia salvar muita coisa na sua administração. Basta querer.
 
04/07/09
 Água mais cara
O jornal oficial da prefeitura, edição nº 667, do dia 4 de junho, traz na sua página 3, a resolução nº 006/2009, que autoriza o reajuste de 9,8% nas tarifas de água e esgoto. Pois bem, isto é coisa do "prefeito do povo", do "prefeito mais popular do Brasil" que deu um aumento de 6% aos servidores municipais, apenas a inflação do período. Para a população, e nela estão os servidores, ele dá um aumento de 9,8% no SAAE e 18% nas tarifas de ônibus. Alguém consegue fazer esta conta?
Há quem diga que a administração municipal perdeu totalmente o rumo, o fio da meada. A Câmara de Vereadores descobriu uma lei que todo reajuste nas tarifas do SAAE tem que passar por sua aprovação. Mas o leitor acha que eles vão fazer valer isso? Eles vão gritar, xingar, fazer um teatrinho mas no final o aumento determinado ficará e pronto! E o povo, acostumado, calejado que está, vai ter que pagar.
Com tanta gente desempregada, a maioria da população recebendo apenas o salário mínimo e o prefeito deu, com a permissão da Câmara, isenção de pagamento de água ao CDE. O presidente da Câmara, Antônio de Miranda, Delmo e Gleissinho bem que brigam pelos mais carentes, procuram mostrar serviço, mas os demais vão se acomodando. Depois aparecem em nossas casas para pedir votos em 2012 e verão o que escutarão. Acorda, gente, trabalhem pelo seu patrão, o povo!
 
SAAE
Dizem que lá no SAAE está igual na prefeitura, virou cabide de emprego. Deve ser por isso este aumento fora de lógica. Veradores, investiguem as planilhas do SAAE, descubram o que pode justificar este aumento de quase 10%!
 
Corrupção
O povo procurou muito a secretaria da Paróquia de Santana para votar contra a corrupção e a impunidade dos políticos safadinhos e espertalhões. A listagem de votação foi uma criação da CNBB - Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, pedindo ao Tribunal Superior Eleitoral e ao Supremo que políticos de ficha suja, com processos na Justiça e os mais diversos tipos de corrupção não sejam mais candidatos.
Na verdade existe muita gente desligada, semialfabetizada, que não lê jornais, não procura se informar sobre a safadeza de políticos e acaba dando o poder a eles de novo. Então, para evitar que estes sem vergonhas continuem no poder só a pressão do povo esclarecido para cima dos tribunais para evitar o alastramento deste doença infeliz que tanto sacrifica o povo brasileiro.
A ladroagem é tão grande que muitos que subiram ao poder, gente que não tinha nenhum patrimônio, aparece agora cheio de imóveis, veículos caros, fazendas, empresas; patrimônio de dar inveja até a banqueiro. Este tipo de político vai colocando bens em nome de "laranjas" e quando termina seu mandato, quando finalmente deixa de se reeleger, aparece tudo, vê que o tal está montado na grana. Por isso o objetivo é pressionar as autoridades em Brasília para dar um basta nesta corja que está acabando com o nosso Brasil. Um país que não tem dinheiro para nada para o seu povo, mas que tem muito para encher as contas bancárias de políticos.
 
27/06/09
Até com o Cristo
Tem gente que gosta de criar caso, gosta de polêmica, de amolação e outras coisas do gênero. Estou dizendo isto pois não tem muito tempo, aquele famoso membro do Codempace resolveu implicar com a réplica do Cristo Redentor que um conhecido empresário resolveu colocar em cima do seu prédio, lá no alto da rua Gonçalves da Guia. A alegação do membro do Codempace é que o lugar podia acabar perdendo a referência e ao invés do povo chamar de Alto do Rosário passaria a chamar de Morro do Cristo Redentor. E daí? A réplica não está interferindo em nada e se daqui uns tempos começarem a chamar o morro por outro nome, que chamem. O importante é que de vários lugares da cidade dá para ver o Cristo e isso é o que importa. O diretor de Cultura, João José, está querendo fazer uma pesquisa para ver se o povo quer que o Cristo continue lá ou não. Eu acho que o João não deveria mexer com isto, deixaria o Cristo lá e pronto. Ele é de família religiosa que jamais aceitaria tal coisa. E depois tem muita coisa nesta cidade que merece sua atenção. No site da GAZETA, por exemplo, em notícias anteriores, 2008, 12/04/2008, a matéria com o título "Estado deplorável" tem muita foto que mostra a quantidade de trabalho a ser feito na cidade.
 
Cartão de ônibus 
Na opinião de muita gente se o trabalhador vende seu vale-transporte, mas não falta ao trabalho, chega sempre na hora certa não há o que se questionar. Muita gente vendia o vale para completar a renda familiar, fazer uma feira, comprar uma carne. Agora não pode mais depois que implantaram, na marra, o cartão eletrônico, auto-pass e o que é pior, senão é gasto todo no mês, não acumula créditos para o mês seguinte. Quem está ganhando com isso? A Autotrans ou a prefeitura? Pois é normal muitos servidores ganharem carona para o trabalho. Os servidores, segundo me informei, estão cuspindo fogo com mais esta da administração, principalmente os operários que ganham pouco e que usavam o vale como complemento no orçamento familiar. Enquanto o prefeito Eugênio Pinto se dá ao luxo de gastar R$ 800,00 com comida em dois dias em Brasília, conforme denúncia de um jornal da cidade, o pobre operário braçal que já faz tempo não recebe hora extra, ainda tem cortado o vale transporte que podia negociar. Dizem que o Sindserv quer o valor das passagens sendo pago em dinheiro. Será que consegue? 
E, para encerrar, vocês se lembram que o Eugênio após as eleições de 2004, disse que seria o prefeito mais popular do Brasil? Coitado! Com tanta ferrada em cima dos trabalhadores está sendo é o mais odiado.
 
20/06/09
Diárias
Uma denúncia que nosso amigo petista nos passou e a GAZETA já falava (edição de 18 de abril/09) é sobre as diárias de R$ 20,00 que há muito a prefeitura de Itaúna não paga para os motoristas que sempre viajam para Belo Horizonte ou outras cidades. A maioria dos motoristas até tem evitado estas viagens porque se tiver que almoçar fora de casa ou até fazer um lanche, tem de pagar do próprio bolso. E isto quando tem dinheiro. Agora a pergunta: a que ponto a atual administração chegou com suas  gastanças desenfreadas com consultorias, projetos megalomaníacos, Oscips para não ter R$ 20,00 para pagar um motorista a sua diária? Isto nunca aconteceu em Itaúna, desde 1901, quando Santana do Rio São João Acima foi emancipada. E não me venham com desculpa de que é a crise mundial porque outras crises já aconteceram e foram enfrentadas com maestria pelos nossos ex-prefeitos que não permitiam que a prefeitura ficasse assim como está agora: em estado de penúria. 
 
Comida de ouro 
Se não tem dinheiro para pagar as diárias dos motoristas, não falta para as diárias do prefeito. Conforme denúncias na imprensa itaunense o prefeito Eugênio Pinto gastou em dois dias na capital federal R$ 800,00 só com comida. No mínimo a farinha deveria ser ouro em pó. Enquanto a maioria dos servidores da prefeitura, trabalhadores braçais, que ralam 8 horas por dia, 30 dias por mês, debaixo de sol ou chuva, não chegam a ganhar R$ 500,00 mensais o nosso, nosso não, o de vocês, como diz sempre a Zenaide, gasta R$ 800,00 em dois dias, apenas com comida. Ou ele é muito esfomeado ou os ares de Brasília estão lhe doutorando naquilo que os políticos de lá sabem fazer de melhor! Então com estes gastos astronômicos com a gastronomia dá para ver que não estão querendo economizar nada. Eles dão um aumento mixuruca, de  6%, aos servidores, não pagam diárias para os motoristas, quase não tem remédios nos postos de saúde, papel toalha e sabão líquido nos banheiros  não existem mais, carros abandonados sem dinheiro para manutenção no Canteiro de Obras e muitas outras coisas. E o prefeito lá, se esbaldando em restaurantes brasilienses. Depois vem a Shirley jogar culpa na crise. Crise que nada, é gastança mesmo, muita e nos lugares errados. Quando um jornal da cidade mostrou a gastança do prefeito com comida em Brasília, um senhor que estava do meu lado, dividindo a leitura não pode deixar de recordar um outro prefeito itaunense. Que saudades do ex-prefeito Célio Calambau (1958 a 1962)! Ele levava marmita e sentava junto com os operários e comia no meio deles. Esse sim, era um prefeito do povo. O atual só quer fama e dinheiro. Deus nos acuda!
 
11/06/09
PMDB
Este rompimento do PMDB com o governo Eugenista, para mim, não foi surpresa alguma. Conversei certo dia com um membro da executiva do partido e ele me disse que nada do que o Eugênio prometeu, foi cumprido. As nomeações de Iris Léia Cruz e Edson do Varejão foram escolhas pessoais do prefeito. Mas, voltando ao assunto, isso não me surpreendeu porque, quando Eugênio assumiu a prefeitura em 2005, eu disse várias vezes nesta coluna que o prefeito eleito sacaneou com todas as pessoas que o ajudou em sua campanha de 2004. No início, quando ele e seus cargos de confiança não entendiam bulufas de serviço público (há quem diga que não entendem ainda hoje), todo mundo se colocou à disposição do prefeito no que fosse preciso. Assim que eles pegaram algum conhecimento deram uma banana para todos  que o ajudaram. E eu bem que avisei a alguns amigos do PMDB quando resolveram apoiar a reeleição em 2008 mas não quiseram ouvir e deu no que deu.
E o pior de tudo é que é exatamente como o PMDB declarou à imprensa na época do rompimento. Ele prestigia os adversários e dá uma banana para os que o ajudam. De vez enquando vou à prefeitura e vejo gente ocupando cargo de confiança, com bons salários, a mesma gente que pulava de alegria lá na praça da Matriz quando a Polícia Federal interditou a prefeitura. O Eugênio, vejam bem peemedebistas, não gosta de quem o ajuda, gosta dos inimigos. Mas ele sabe que teve o troco em 2008. A sua primeira eleição teve uma votação respeitável mas, na segunda, depois que ele virou as costas para vários amigos, custou a fazer diferença, quinhentos e poucos votos, e hoje é o prefeito de uma minoria.
 
Zé Flávio
Tempos atrás li na imprensa que o prefeito tem a intenção de vender o estádio José Flávio de Carvalho. Mas o presidente da Câmara já avisou que não deixa ele vender de jeito nenhum, que é um patrimônio dos desportistas e não permitirá que nosso principal estádio seja vendido. O povo já ficou sem o campo do Esporte, sem o Vassourão e não pode ficar sem o Zé Flávio. Olho vivo, vereadores. Nunca se esqueçam do exemplo do Teatro Sílvio de Matos.
 
SAAE/Copasa
Outro assunto que saiu tempos atrás foi a venda do SAAE para Copasa. Já não basta termos sofrido muitos anos com o descaso da Fundação Sesp que pouco investia na cidade quando administrava nosso serviço de água e esgoto e agora querem entregar para a Copasa? Se isso acontecer todos verão o absurdo que vão virar as tarifas do serviço e como vai piorar. Qualquer um pode ler nos jornais da capital como a Copasa deixa a desejar em seus serviços. Olho vivo nisto também, vereadores!
 
30/05/09
Desmotivados
O meu amigo petista disse que está percebendo que os servidores estão com a estima super baixa, trabalhando completamente desmotivados. Disse o amigo que numa prefeitura onde falta de tudo, até carro para trabalhar, está todo mundo perdendo a coragem e o ânimo. Segundo ele, lá na prefeitura falta tudo, do papel  toalha ao sabão para lavar as mãos e, quando aparece é porque servidor levou de casa. Eles, a administração, não compra mais nem caneta bic, compra uma caneta azul, que nem marca tem e que é uma porcaria. Se eles compram esta caneta por ser mais barata acaba saindo mais caro porque antes de chegar na metade da tinta começa a falhar e tem que ser jogada fora e pegar outra. A maioria dos materiais usados são de péssima qualidade. Também pudera! Foram gastar muito e hoje não se tem dinheiro para nada. Também já pararam de novo de fornecer o leite para os servidores. O café está regrado, chá de mate, nem se lembram mais o que é! Carros estragam e ficam lá no Canteiro, no sol e na chuva, e não têm dinheiro para consertá-los. O amigo petista disse que está indignado com tudo isso, que é péssimo para a imagem do PT e põe péssimo nisso...
Dispensou os estagiários no final do ano, depois que passou as eleições e não os chamou de volta. Hoje, as famílias dos estagiários, que votaram no Eugênio, preferem ver o capeta a ele, na sua frente. E o desgaste político cada dia que passa aumenta mais.
Sobra e falta
O petista amigo ainda me contou que enquanto faltam carros para atender os demais setores da prefeitura, no Gabinete do prefeito tem 4 carros novos para serví-los. Além do carro oficial, Vectra preto, que fica mais parado que tudo, ainda existem dois Sienas locados e um com placa da prefeitura. O Osmar ainda tem um Siena da prefeitura para atender somente à Procuradoria e segundo ainda o meu amigo, o carro fica parado o dia todo no pátio e mesmo que o procurador não precise dele, o carro não pode atender a ninguém que não seja de sua pasta. Mas eles não dão a mínima para isso, mas na hora das cobranças o prefeito e os secretários cobram mesmo sem o servidor ter condições de trabalho.
 
Livraram a cara
A justiça livrou a cara do Delúbio, do Zé Genoíno e do Marcos Valério; quem tem dinheiro e poder não pega cadeia mesmo! Ao ler na imprensa que eles foram inocentados me lembrei daquela catadora de papelão que ficou mais de seis meses na cadeia por furtar um pote de manteiga de um supermercado em São Paulo. Uma pessoa simples que não conhece seus direitos, não tem dinheiro para pagar um bom advogado, a Justiça deixa mofar na cadeia, mas ainda é bem que existe a justiça divina e desta ninguém escapa!
 
23/05/09
Edinho desagrada
O vereador Edinho de Santanense tem deixado os servidores bastante contrariados. O vereador tem dado mostras de querer defender o prefeito, principalmente no tocante ao aumento mixuruca de 6% que ele concedeu aos servidores. É bom lembrar sempre que os salários do vice e do prefeito foram reajustados em 100% e os dos secretários em 54%. Mas, voltando ao Edinho, ele vai muito à prefeitura onde trabalhou e, segundo informações que recebemos, os servidores tem cobrado dele para pressionar o prefeito por um aumento melhor e para cessar as perseguições. Mas parece que Edinho tem defendido o prefeito. Será que ele se esqueceu do que fizeram com a irmã dele? Calma, Edinho, que recaída é essa? 
 
Secretário não erra 
Outra informação que nos chegou na semana passada é que um secretário não tomou algumas providências em tempo hábil e esta falha resultou em multa para a prefeitura. Pequena, mas foi uma multa. Segundo nossa fonte, o secretário em questão foi alertado várias vezes. Agora que aconteceu a multa, o nosso amigo petista informou que mandaram abrir um processo administrativo contra o servidor da área, que além de ser velho de casa, é de uma honestidade e competência sem igual. Será que este secretário consegue encarar o servidor sem culpa? E a sua conciência está em paz? O servidor, que mais de uma vez o alertou, agora é quem paga o pato! Cuidado gente! Tem Alguém que tudo vê e a Ele vocês não enganam nunca! 
 
Teatro 
Quem conhece o João José, acredita que desta vez sai a reforma do teatro Sílvio de Matos de qualquer jeito. Agora, é uma pena que depois de quatro anos desmontado não será colocado o anunciado ar condicionado e o calor insuportável vai continuar. Faltou planejamento, dinheiro, competência, boa vontade. Desmancharam um teatro para depois montá-lo do mesmo jeito que estava antes. Nenhuma melhoria e, o que é pior, com muita coisa estragada pelo desmonte. Foi pior que trocar seis por meia dúzia. O João José não tem culpa de nada, mas eles deveriam fazer uma forcinha e colocar pelo menos o ar condicionado. 
 
Leilão 
E os vereadores continuam mudinhos, mudinhos sobre o leilão da prefeitura. Os carros que só precisavam de uma manutenção serão leiloados e muitos órgãos não terão como trabalhar por falta de veículos. Depois do leilão, aí sim, os vereadores farão aquele escarcéu. E por falar em leilão este é o quarto a ser feito pela adminstração petista. Pooode?
 
09/05/09
Creche de um milhão
Li em um jornal da cidade, no dia 04 de abril, que uma creche será construída no bairro Aeroporto e que servirá também ao bairro Garcias. Segundo o jornal o custo da obra no contrato é de R$ 1.071,114,30 e na mesma matéria revela que no site "Contas Públicas" a mesma empresa construiu uma creche em uma outra cidade, cujo nome não foi revelado pelo jornal, ao custo de R$ 102.423,00. Então, o custo da creche itaunense daria para a construção de quase 10 creches. Os vereadores precisam mostrar mais serviço e fiscalizar este contrato mais a fundo. 
Também vimos na imprensa que a reforma da Escola Dr. Augusto Gonçalves ficaria em R$ 800.000,00 e o prefeito de Itatiaiuçu, Wagner Chaves, construiu uma escola  por R$ 200.000,00. É preciso que os vereadores saiam da mesmice e investiguem tudo isso. É muito comum vermos em placas que anunciam obras, valores astronômicos e as obras ainda ficam inacabadas. É o caso da avenida Jove Soares e o caso da ponte da Silva Jardim, famosa cratera sempre citada pela Zenaide. Vamos fiscalizar, vereadores? 
 
Greve 
O Sindbel, Sindicato dos Servidores Públicos de Belo Horizonte, está anunciando uma greve porque o prefeito Márcio Lacerda deu um reajuste para o primeiro escalão e deixou os que ganham pouco à mingua. Aqui também o prefeito Eugênio Pinto teve seu salário reajustado em 100% e reajustou os dos secretários em 54%. Os servidores, segundo fomos informados, estão pressionando a atual direção do Sindserv, inconformados com o mísero aumento de 6% que receberam. E o Sindserv sabe que o que faz a máquina administrativa girar é exatamente esta turma a quem o prefeito comete a maior injustiça. O Sindserv alega que pouco pode fazer porque depende de verbas da prefeitura para o sindicato funcionar. Será que temem que o prefeito deixe de fazer algum repasse que deve ser feito por lei? Se isso acontecer o Sindserv tem que pressionar a Câmara a tomar uma atitude. O que os servidores não estão gostando é de pagar o sindicato na folha salarial e eles aceitarem tudo passivamente. Já está correndo uma conversa por aí que tem muita gente querendo se desfiliar do Sindserv. Olho vivo, gente! 
 
Reajuste diferenciado 
Este negócio de reajuste diferenciado já deu pano pra manga. Quem não se lembra de quando, em 1997, o então governador Eduardo Azeredo,  concedeu um bom aumento para os oficiais da polícia militar e uma miséria para os cabos e soldados? Isso provocou uma greve perigosa na história da instituição.
A tensão foi tão grande que acabou em troca de tiros e na morte do cabo Valério. Os oficiais na época não conseguiram acalmar os ânimos da tropa e deu no que deu. Aqui como todo mundo é de paz, graças a Deus, e que continue assim, os servidores, principalmente os peões que carregam a prefeitura nas costas. Segundo fomos informados estes servidores só dissseram: Eles fingem que pagam e nós fingimos que trabalhamos. Pobre prefeito, pobre prefeitura!
 
01/05/09
Eugênio, missa e perseguição
Já faz algum tempo que tenho ouvido nas intenções de missa o nome do prefeito Eugênio Pinto. Na semana santa, em praticamente todas as missas, havia pedido em intenção de Eugênio. Até aí tudo bem, nada de mais. Qualquer católico tem direito de receber missa em sua intenção. Jesus disse: "Faça a sua parte que eu farei da minha e te ajudarei".
Estou dizendo isso porque se o prefeito não mudar sua maneira de ser, não parar de se achar o tal, não parar de perseguir servidor, pode mandar celebrar um milhão de missas em sua intenção que de nada vai adiantar. Um petista que é muito meu amigo disse que ele anda perseguindo um servidor que é honesto, bom de serviço, mas por causa da ex-candidata a prefeita Gláucia Santiago ter sido vista na casa do avô do servidor, ele paga hoje o pato. Esse servidor era lotado no departamento de trânsito e hoje encontra-se encostado no canteiro de obras. Ainda segundo esse petista, e isso já foi falado aqui, o Eugênio e sua irmã Marisa perseguiram um primo deles, de primeiro grau (primo esse que ajudou e muito ao Eugênio na sua primeira campanha para a prefeitura) jogando o pobre de um lugar para outro, já que não podia ser dispensado por ser servidor concursado.
E todos os dias a gente fica sabendo de novas perseguições políticas. Uma servidora pouco tempo depois das eleições foi transferida de setor porque o pai dela teria trabalhado na campanha eleitoral para o Osmando. Então me pergunto: o que a servidora tem com isso?
O pai dela é independente, maior de idade, dono do próprio nariz, trabalha, se sustenta e vota em quem quiser. Familiares de servidores não são obrigados a ficarem de rabo preso com determinado candidato porque tem filho, sobrinho, primo ou qualquer tipo de parente trabalhando na prefeitura. Estamos em uma democracia e temos o direito de escolher que nós quisermos eleger.
O petista amigo ainda me disse que quanto ao primo, o Eugênio não podendo mandá-lo embora, fica de pirraça com o coitado para ver se ele fica com raiva e pede sua demissão. Bobo seria ele se o fizesse, porque está mais fácil o prefeito sair, com tantos processos na Justiça, com tantas manifestações, carreatas e muitas outras coisas o Eugênio está dependurado. Portanto o prefeito deveria fazer uma reflexão, procurar ser um homem do povo verdadeiramente, dar uma guinada de 180 graus na sua vida, procurar ser de novo aquele Eugênio com fé em Deus, parar de perseguir servidores e imprensa, valorizar o servidor antigo de casa que carrega a prefeitura nas costas há anos e aí sim, pode mandar rezar missa em sua intenção porque Deus irá ouví-lo. Se continuar deste jeito, Deus acaba participando das carreatas contra o seu governo.
21/04/09
A mesmice 
A Câmara, infelizmente, está caminhando na mesmice de sempre. Fiz nesta coluna uma denúncia e pude comprovar ao passar na rua ao lado do Canteiro de Obras, que vários veículos, em bom estado de conservação, estão para ir a leilão. É mais desperdício do dinheiro público. São carros que bastam mil, dois mil reais em peças e manutenção que voltam a rodar muito bem. Vários servidores tem denunciado que serviços que dependem de carros não estão sendo feitos porque os veículos estão quebrados. Nesta semana mesmo uma amiga pediu que a zoonoses fosse à sua casa e teve como resposta o seguinte: assim que resolverem o problema dos carros iremos, mas não marcamos dia e o serviço está bastante acumulado. Está deste jeito e eles pensando em leilão. Pedi aqui que os vereadores investigassem, mas a mesmice de outras legislaturas continua nesta e não vi nenhum interesse por parte dos nobres edis. A coisa está sendo feita para dar a impressão de que os veículos não estão em bom estado. Até faróis estão sendo arrancados para parecerem sucateados. Até hoje não esqueço daquela draga de limpar o Rio São João, uma Poclain, ainda nova, que foi leiloada sem necessidade e não conseguiram comprar uma nova até hoje. O rio está que é só mato, uma sujeira danada, no centro da cidade. Leiloando os veículos vão aparecer novas locações endividando ainda mais a prefeitura. Acordem vereadores! Fiscalizem as coisas, chega de mesmice, cuidem do nosso patrimônio. Lembrem-se que os veículos que foram leiloados pela prefeitura em leilões passados e que foram arrematados por pessoas de Itaúna, estão rodando perfeitamente até hoje.  Por isso a gente não se conforma de ver a administração se desfazer de coisas que podem ser recuperadas com custo pequeno. Vamos fiscalizar, senhores vereadores, cumpram seus deveres.
 
Podridão
E o Congresso Nacional está mesmo podre. Depois do escândalo dos 181 cargos de diretores (devia ter diretor de espirro, tosse, autógrafo, de rolo de papel higiênico...) vem agora o escândalo dos salários dos funcionários terceirizados que recebem pouco mais de 800 reais por mês, mas o Congresso paga por cada um às empresas, 3.500 reais. Eta país sem vergonha, que aceita tudo e depois fica lamuriando pelo cantos a falta de saúde pública, escola de qualidade, boas estradas, saneamento básico, falta de moradia...
 
Prisão especial
A Câmara Federal aprovou na Comissão de Constituição e Justiça o fim da prisão especial para que tem curso superior. Só falta ser votado no Congresso e ser sancionando pelo presidente e começa a vigorar. Mas o privilégio foi mantido para o presidente, governadores, deputados, senadores e prefeitos. Só legislam mesmo em causa própria. Mas não faz mal, não. Normalmente os filhos destes senhores adoram aprontar e assim nossos políticos vão acabar sentindo o gosto do próprio veneno quando virem seus filhos jogados em celas com os mais perigosos marginais, correndo risco de estupro e outras atrocidades que a gente não tem que citar aqui porque todo mundo sabe. A menos que a lei só seja aplicada na verdade para poucos e delegados e diretores de prisões arrumem  celas especiais para eles, no famoso jeitinho brasileiro. Afinal, filhinho de papai político safado tem sempre um protetor, não é?
 
04/04/09

A crise e a prefeitura
A secretária de Finanças em matéria na GAZETA do dia 14/03/08 tenta explicar como a crise influencia nas finanças da prefeitura. Só que eu acho, e muita gente acha também e comenta, que a crise já se abateu sobre a prefeitura desde 2005. Foram gastos rios de dinheiro com projetos, principalmente o da retirada da linha férrea da cidade e hoje nem se fala mais nisso. Além do projeto, contrata-se outra empresa para assessorar aquela e mais rios de dinheiro. Também gastou-se muito com consultorias sendo que existem muitos advogados na procuradoria do Município. Então muita gente acha que o endividamento da prefeitura começou por aí. Recentemente o prefeito Eugênio Pinto anunciou um projeto que foi feito caladinho, sobre o estacionamento subterrâneo na praça da matriz. Quanto teria custado tal projeto? E será que alguma outra empresa será contratada para assessorar o projeto do estacionamento? Estamos de olho.

Ainda a crise
Os servidores da prefeitura estão indignados com o aumento mixuruca de 6% dado a eles. A secretária de Finanças, Shirley Regina, disse que a culpa é da crise, mas no governo do ex-prefeito Osmando ele enfrentou várias crises mundiais que afetaram o governo do Fernando Henrique Cardoso, e nunca deixou de dar bons aumentos aos servidores, disse-me um servidor indignado. Segundo este mesmo servidor, Osmando além de dar o aumento da inflação ainda dava um percentual um pouco maior para o servidor não perder o poder de compra. Portanto é balela esse negócio de crise e que a prefeitura só não dá um aumento melhor porque as consultorias e projetos a endividaram muito.

E o Marcinho?
O Marcinho, eleito com a ajuda de muitos servidores, é o representante deles na  Câmara, já que ele é funcionário antigo da prefeitura. Será que ele vai aceitar isso passivamente? Muito servidores reclamaram que em mandatos passados tiveram o Marcinho, o Vicente Gabriel e o Vicente Adão e nenhum deles fez nada pelos servidores. Vamos ver se o Marcinho agora vai lutar por eles.

Choque de gestão
Se a situaçao financeira da prefeitura está tão ruim, o exemplo deveria vir de cima, como o governador Aécio Neves que quando assumiu o Palácio da Liberdade, deu um Choque de Gestão reduzindo seu próprio salário e dos secretários e hoje o Estado de Minas Gerais é um dos poucos em boa situação financeira. Então o prefeito deveria reduzir seu salário de 18 mil reais e de seus secretários, diminuir o inchaço de servidores contratados e cargos de confiança, pois só assim poderá haver alguma recuperação financeira na prefeitura. O exemplo tem que vir de cima e não penalizar os servidores. Daqui uns tempos a turma que ganha entre 1000 a 1500 reais estará ganhando salário mínimo.

28/03/09
Manifestação
A última sexta-feira,13, realmente foi de azar para o prefeito Eugênio Pinto. Cerca de 300 pessoas se mostraram publicamente contrárias ao seu governo, com cartazes, narizes de palhaço, megafone e gritos de "fora Eugênio! Nós vamos cassar você antes que acabe com a cidade!" Os gritos eram ouvidos  pelas pessoas que estavam nas escadarias do fundo da Igreja da Matriz e em frente à prefeitura. 
Ficamos sabendo que o Eugênio não estava na prefeitura e até a Íris Léia, chefe de Gabinete e namorada do prefeito, tinha cascado fora. Vimos o advogado Frederico Dutra, muito sem graça, e lá no prédio não aparecia ninguém nas janelas e nem na sacada. Aliás, as janelas foram todas fechadas. Faço ideia que calorão o povo lá dentro teve que aguentar; isto sem contar a tortura que servidores loucos para participar da manifestação tiveram que suportar! Mas não teve a menor importância o prefeito não estar no seu local de trabalho. Sabemos que ele já havia  programado tal coisa, já que a manifestação fora marcada dias antes, assim como hoje, data de nova manifestação, quando ele deverá até sair da cidade. Fiquei sabendo que na verdade o prefeito nem usa muito o carro oficial, usa um alugado, para que o povo não o veja nas ruas e comece a vaiá-lo. Mas voltando ao assunto, o prefeito Eugênio Pinto vendo que não está dando conta do recado, deveria dar uma de Jânio Quadros e renunciar. Assim ele teria sossego, deixaria o povo mais aliviado, restaria ainda alguma coisa da cidade para consertar e  dois terços da população ficaria muito feliz.
 
Covardia
Os servidores estão a cada dia  mais revoltados com o prefeito. Ele dá aumento de 18% para o transporte coletivo e tantos outros aumentos nos mais diversos setores e dá ao servidores reajuste de 6%! É uma covardia muito grande daquele homem que se dizia um prefeito popular, do lado do povo. Por essas e outras é que hoje está sendo considerado o pior prefeito de toda a história de Itaúna. Deve ser também um dos piores do Estado e do país. É só questão de pesquisa. Volto ao assunto na próxima semana.
 
Mais azar
Ainda na sexta-feira, 13, recebemos um telefonema que dizia que na prefeitura circulava um recado com os seguintes dizeres:
"Como o prefeito do povo enfrenta a crise mundial?Aumento salarial: 100% para o prefeito e vice
54% para os secretários
6% para os demais honestos e humildes trabalhadores. Como diria o Bóris Casoy: isto é uma vergonha!"
 
21/03/09
Acabou-se
Minha querida e saudosa mãe dizia que quem persegue os outros, acaba se enforcando com a própria corda. E é verdade  mesmo. Quando Marisa Pinto era secretária de Assistência Social, nós, da imprensa, recebíamos inúmeras denúncias e reclamações sobre ela. Depois o seu irmão, o prefeito Eugênio Pinto, a nomeou secretária de Educação. Novas perseguições e novas reclamações. Até os vereadores, aliados do prefeito, conforme publicado naqueles jornais que não tampam o sol com a peneira, não protegem o prefeito e sua administração a qualquer cu$to, já não aguentavam ouvir as mesmas reclamações sobre as atitudes da secretária Marisa. Durante o período eleitoral todos os candidatos ouviram as mesmas reclamações sobre Marisa. Finalmente a Câmara não aguentou e resolveu que a secretária merecia ser sabatinada em vários assuntos de sua pasta. Mas quando Marisa viu que a coisa estava ficando feia para o seu lado optou por pedir exoneração do cargo. 
Em setembro do ano passado já dava para perceber que a situação da secretária não estava nada boa perante o professorado, principalmente os da rede municipal. Quem não se lembra de quase toda a imprensa, menos aquela impren$a, comentando sobre o desfile de Sete de Setembro que foi boicotado? Um evento tradicional na cidade, que normalmente segurava um público até as 13 horas, no ano passado acabou antes das 11 horas porque a maioria das escolas não desfilou. E o prefeito Eugênio Pinto deveria ter separado as coisas de família, tratar a secretária como qualquer outro membro da equipe. Mas não, Eugênio foi só dando corda, dando corda, dando corda, até que a situação ficou insustentável. Em sua nota à imprensa a ex-secretária disse que participou de muitos movimentos religiosos da igreja católica. Então, por favor, aproveite a quaresma e faça penitências pedindo perdão a Deus pelas maldades que fez com pessoas que sofreram e choraram por sua causa, e não foram poucas, tanto numa secretaria como na outra. Até um primo em primeiro grau da Marisa (as mães eram irmãs) teve seus dias de angústia e sofrimento. Então, fique em paz, penitencie-se, reze, peça a Deus que ele lhe ilumine para quando no dia de acerto de contas, você possa ter seu lugar. E tomara que o Eugênio e o José Oscar se mirem no seu exemplo porque para eles também as coisas andam nos finalmentes.
 
14/03/09
Fofocas
Infelizmente parece que o prefeito Eugênio Pinto está permitindo que fofoqueiros se criem na prefeitura. Dois servidores contaram a um amigo que todos os chefes foram chamados pelos seus secretários para apurar fofocas e mais fofocas. Parece que tem gente que finge que trabalha, mas  está é sempre de ouvido ligado nas conversas para depois passarem para o prefeito. Os servidores já têm idéia de quem seja o dedo duro que fica entregando todo mundo. Muito feio isso, mas feio também para o prefeito e secretários que não deveriam permitir que fofocas se alastrassem pela administração. Pior que muitas vezes o dedo duro faz esse tipo de coisa apenas para se garantir nas graças do prefeito, fazendo média, pouco se importando se está prejudicando os colegas de trabalho. Isto é falta do que fazer, do fofoqueiro e do prefeito. E aliás eles deveriam é buscar consertar as nossas ruas, as nossas praças, que além de esburacadas, estão que é puro mato!
 
Aproveitem
Vão aproveitando e fazendo suas ruindades, porque se a Justiça faltar, Deus não falta, é só esperar.
 
Será?
Um funcionário lá do Canteiro de Obras contou a este colunista que vários veículos da prefeitura estão para ir a leilão. E, segundo ele, são veículos que com uma manutenção que custa em torno de um mil, dois mil reais, ficam rodando muito bem. De posse desta informação os nossos vereadores deveriam procurar informações mais completas sobre o assunto, até mesmo pedir que um mecânico dê uma olhada para comprovar a denúncia e evitar que tais veículos cheguem ao leilão para depois ter que adquirir veículos novos ou ainda alugar. Parece que são carros em bom estado, mas a prefeitura não compra as peças para consertá-los. Seria bom que essa investigação fosse feita pelos vereadores. Cuidar do nosso patrimônio, fiscalizá-lo, lembram-se?
 
Pobres servidores
Coitados dos servidores municipais, disse um servidor demitindo injustamente. "Este prefeito do PT cortou o leite, não dá vale transporte para o almoço. Também não serve refeições, a exemplo do SAAE, fica dando ouvidos a dedo duros , é demagogo quando fala que nunca prefeito algum fez tanto pelos servidores. Todos os benefícios adquiridos em outros mandatos estão sendo tomados, um a um". Será que os petistas estão satisfeitos com tudo isto?
 
07/03/09
D. Marisa 
A Dona Marisa Pinto foi notícia na imprensa e na Câmara por ser perseguidora de servidores. E o Eugênio, ao invés de dispensá-la, passa-lhe a mão na cabeça. Mas não se preocupe, D. Marisa. Se seu irmão cair do cavalo até no meio do ano, no processo que está respondendo por abuso de poder econômico, tenha a certeza que o seu tombo será tão grande quanto o dele. 
 
Plantão
Será que se o plantão sair do hospital Manoel Gonçalves vai acabar a briga entre  a prefeitura e o hospital? Tomara que acabe pois o povo já está de saco cheio de tudo isso. 
 
Mediocracia 
Muito bom o artigo do Dr. Guaracy de Castro Nogueira intitulado Mediocracia. Para o bom entendedor meia palavra basta. 
 
A Lei 
A Lei de Responsabilidade Fiscal é mais uma para não ser cumprida. E, segundo a lei, não se pode deixar dívidas de um mandato para outro. Será que vai ficar por isso mesmo? Essa eu pago para ver. Se não houver nenhuma punição sou obrigado a rasgar nossas leis que não punem os que estão no poder. 
 
Gabinete 
Um assunto que continua rendendo comentários é a nomeação da namorada do prefeito Eugênio para a chefia do Gabinete. Nada contra a moça, mas ser chefe de Gabinete uma pessoa que jamais ocupou um cargo político, já é demais, né? Depois o prefeito fica bravo quando o povo malha seu governo, mas ele caça, né? E quem caça, acha! 
 
Cuidado 
Eu já disse aqui que o prefeito em 2012 vai querer fazer seu sucessor (isso se ele durar até lá). E ele vai querer alguém do PT para a sucessão. Mas ele por pouco, muito pouco, não rodou em 2008. Agora, se continuar a meter os pés pelas mãos, continuar aceitando a perseguição de sua irmã Marisa e de outros aos servidores, dificilmente conseguirá seu intento. E o próprio PT, que sei por alguns filiados, não está nada satisfeito, precisa cobrar  mudanças profundas no governo. Quem cala consente e se um partido político que se intitula partido dos trabalhadores aceita a perseguição aos servidores pode se despedir do poder, nunca mais ganhará nada na cidade. Continuem aceitando as perseguições, a prefeitura endividada e tantas outros desmandos que vocês nunca mais ocuparão a cadeira principal da prefeitura.
 
28/02/09
É deprimente
É... realmente é deprimente ver como certas pessoas perdem a vergonha na cara tão facilmente. Quando a Polícia Federal interditou a prefeitura no meio do ano passado, ao ver aquele tumulto de gente lá na porta, fui me inteirar do que se passava. Depois me afastei do prédio para ouvir os comentários. E, bem próximo de mim, estava uma pessoa que gritava e pulava de felicidade e dizendo que "até que enfim o Ministério Público tinha agido. Ficamos calados, ouvindo e como não rendemos assunto a pessoa foi embora. Um dia desses me dirigi a um determinado setor da prefeitura e vi essa pessoa trabalhando lá. Eu custei a acreditar e perguntei a alguns servidores e eles confirmaram. Não sei de mais nada e como a política é suja, fingida e deprimente! Enquanto pessoas que em 2004 ajudaram o Eugênio foram encostadas, hoje ele dá emprego às pessoas que o criticavam e tentavam derrubá-lo. Depois de mais essa eu fico lembrando daquela frase daquele médico que participou do Big Brother Brasil há uns três anos atrás: ''Quando mais eu conheço o ser humano, mais eu admiro os cachorros''.

É de admirar
Como é que tanta gente que estava contra o atual prefeito na campanha virou amiguinho dele. É de admirar e certa parte da imprensa fica caladinha. É um direito deles, mas antes não deixavam passar nada batido. Será que hoje tudo está certo e correndo às mil maravilhas?

Falta tudo
Denúncias chegadas até nós dão conta que na prefeitura está faltando sabão líquido para lavar as mãos, leite para os servidores, papel toalha, atraso no pagamento, falta de dinheiro para comprar asfalto para tapar buraco e tantas coisas mais. O que não dá para entender é a boa arrecadação de Itaúna e não há dinheiro para nada? Que Deus tenha piedade de nós!

De volta
Dia 03/02/09 a Aterpa estava lá no inicio da Jove Soares c/ Miguel Augusto consertando o abalo na estrutura do canal da prainha que cedeu com as chuvas. Será que agora  ficou consertado mesmo? E a propósito, quando é que a Aterpa vai terminar aquela cratera lá perto da ponte que nunca funcionou?

Refrescando a cabeça 
E para quem adora comentar que aquela ponte caiu no governo Osmando é bom lembrar que o canal começou a cair recentemente e não foi obra do ex-prefeito.
14/02/09
Pegou mal
Esta aproximação do Dr. Élvio Marques com a atual administração da prefeitura pegou mal pra caramba para ele. Uma pessoa que até pouco tempo era crítico da atual administração, de repente muda de lado. Concordo plenamente com a Zenaide que disse em seu Observatório da Corte que chega a ser deprimente (e ela tem razão em reclamar porque se o Dr. Élvio teve um apoio por completo, com toda a sinceridade, sempre foi o dela) e realmente não vale a pena a gente arregaçar as mangas e entrar numa campanha política. Você acaba arrumando inimigos políticos e depois vê os adversários se juntarem em troca de favores, nos fazendo de bobos. 
 
Buracos
A cidade está um caos. Buracos e mais buracos em todas as ruas e avenidas de Itaúna. E o secretário de infraestrutura dando entrevista de que está esperando passar o período chuvoso para os consertos. Não seria mais fácil a prefeitura dizer que não tem dinheiro para comprar asfalto? Um motorista da Autotrans disse que todos os dias chegam de 3 a 4 ônibus com mola quebrada na garagem. Depois, para compensar o prejuízo, vem esses aumentos absurdos na tarifa dos coletivos, não é prefeito?
 
Desobediência
Se um cidadão comum  desobedece à justiça é preso imediatamente. Mas tem gente por aí que parece não se intimidar e continua desobedecendo ordem judicial, confiante na impunidade. Mas, uma hora destas, alguém vai parar na cadeia, ver o sol nascer quadrado, pois com a justiça não se brinca. Tem gente se achando acima da lei e vai dar com os burros n'água.
 
Perseguição
E aquele vereador que já foi secretário numa antiga administração que cismou de querer perseguir um colega por não ter seu desejo atendido. Mas ficamos sabendo que uma alta autoridade estava de olho nele e ia dar uma bela amansada nele. E o cargo dele num outro setor da cidade estava por um fio para ser demitido da instituição. Ele fica se achando e p21or pouco não caiu do cavalo.
 
Revolta
E o pessoal que mora nas proximidades do Morro Grande continua revoltado com a  cobrança do pedágio na rodovia MG 050. Quem precisa se deslocar várias vezes por dia sente no bolso e as autoridades discutem, discutem e nada fazem de concreto. Quem mora na roça já ganha pouco e agora ainda vê o suado dinheirinho ficando todo no pedágio. Alô, deputado Neider, vamos resolver isso?
 
07/02/09
Osmando
O prestígio do Osmando continua em alta. Ele tomou posse como administrador da Regional da Pampulha, em Belo Horizonte no último dia 16, numa indicação direta do governador Aécio Neves. Enquanto tem uma turma do PT morrendo de inveja, os aliados do Osmando comemoram. Aécio conhece o potencial do Osmando como administrador e o indicou ao prefeito de BH, Márcio Lacerda. Torcemos para que o Osmando faça uma grande administração na Pampulha para que possamos sempre nos orgulhar de ter um conterrâneo mostrando serviço na capital do estado. E Osmando fazendo uma boa administração, futuramente poderá ser um deputado estadual ou federal. E quem sabe num futuro não muito longe ele poderá até ser um candidato a vice-governador. Bagagem para isso é o que não lhe falta. E aproveito para parabenizar o leitor da GAZETA que mandou aquela carta na edição de 24/01/09, falando da inveja do PT e do prestígio do Osmando. É como se diz:  há males que vem para bem. Pois se o Osmando tivesse vencido as eleições em outubro passado, ia assumir uma prefeitura totalmente endividada, com a saúde beirando  o caos, a cidade toda esburacada, um monte de obras inacabadas, o teatro Sílvio de Matos todo desmontado. Durante uns dois ou três anos iria passar um trabalhão dos grandes para consertar tanta coisa. Então os belo-horizontinos da Pampulha ganharam um grande administrador e que, se Deus quiser, veremos na imprensa da capital os frutos sendo colhidos... Parabéns Osmando.

Nada como um dia...
Existe um ditado que diz que, nada como um dia após o outro. Estou dizendo isto pois uma servidora da prefeitura foi injustamente demitida pelo prefeito o ano passado sob a suspeita de que ela estava passando informações para o deputado Neider. A servidora tinha mais de 20 anos de casa. Ela entrou na justiça e vai receber uma nota preta da prefeitura, além de ter que ser admitida novamente. Agora que viram a besteira que fizeram já chamaram ela várias vezes para voltar e ela não aceita. Vai esperar a decisão da justiça. E para piorar as coisas para o lado destes perseguidores o irmão da servidora ganhou para vereador e está fazendo uma bela oposição ao prefeito. É por essas e outras que eu digo: não pise no seu subordinado pois amanhã ele pode ser seu chefe e com que cara você vai ficar? E com que cara o prefeito vai pedir apoio ao vereador depois do que ele fez com a irmã dele?


31/01/09
O preço da tarifa
A tarifa de ônibus desde o dia 12 de janeiro custa R$ 2,00. Um aumento absurdo. Não sabemos o romance que existe entre o prefeito e a empresa que explora o serviço na cidade para um aumento como este, acima, muito acima da inflação. É comum eles matarem horário, passarem adiantados ou atrasados, goteiras no teto dos coletivos,bancos molhados pela chuva e trocadores sem flanelas para enxugar os assentos, além de alguns ônibus terem poltronas tão perto uma das outras que, para quem é grande, não tem como ficar à vontade, espichar as pernas. O jeito é se encolher. É o caso dos ônibus de números 1330, 1340, 1350, 1360, 1370 e 1380. Seria preciso uma distância de pelo menos 70 cm de um assento para outro. Mas a prefeitura de Itaúna aceita tudo. Se o ônibus tem idade para rodar não importa o conforto do passageiro. Mas as maiores reclamações mesmo são sobre o ônibus corujão nos finais de semana. Cada semana é um motorista que faz o itinerário e dependendo do profissional, ele não cumpre o itinerário direito, chega a perguntar ao passageiro para onde ele vai e corta por atalhos, pouco de incomodando se tem outros passageiros esperando no trecho que ele deixou de passar. Como a gente sempre ouve, dá saudade da Redentor na época do Marinho e do Marcão, quando eles sempre davam uma incerta de noite para ver o que os motoristas estavam fazendo. Principalmente o Marinho que fiscalizava de verdade e não ficava apenas dentro de uma sala sem ver com os próprios olhos o que acontecia nas ruas. E o prefeito Eugênio, que mais uma vez pisou na bola com o povo, não manda fiscalizar nada. E sabemos que nossas críticas também não adiantam de nada. A gente sabe que ele toma conhecimento mas não se importa. Então os vereadores deveriam deixar seus Gabinetes, seus carros e darem vez ou outra uma volta de ônibus  para verem o que o povo passa. Que tal começar pelo presidente da Câmara, Antônio de Miranda, que sabemos que é uma pessoa séria?
 
Harmonia?
Os secretários municipais se reuniram com os vereadores para tentar apaziguar os ânimos e buscar mais harmonia entre os poderes Executivo e Legislativo. Só que a prefeitura colocou uma matéria no jornal Super Notícias do dia 17 de janeiro, tentando jogar o povo contra  os vereadores. Desse jeito a prefeitura põe tudo a perder pois os ânimos voltaram a ficar acirrados. Eta prefeito mal assessorado e sem vivacidade!
 
24/01/09
O aumento
Quem estiver achando que vou reclamar do prefeito por causa do aumento absurdo de 18% nas passagens do transporte coletivo está enganado. Já tínhamos certeza absoluta que este valor de R$ 1,70 não ia durar muito mais. Desde a época da campanha eleitoral já circulava rumores de que a passagem iria para R$ 1,90, e até alguns motoristas já diziam que o reajuste viria depois das eleições, em outubro. O prefeito, para não perder votos, desmentiu a notícia através de inúmeros panfletos. Já dissemos aqui na GAZETA, na edição de 20/12/08, que a Autotrans estava querendo aumento de passagens de todo o jeito e que Eugênio já não aguentava a pressão. Só esperou passar os três meses após as eleições e deu o aumento de 18%, ou seja um valor de R$ 2,00 pela tarifa. Coitado do pai de família que tem dois ou três filhos na escola. Ninguém aguenta tudo isso. O prefeito bem que tentou jogar este aumento nas costas do vereador Anselmo Fabiano, por causa dos vales transportes, mas não conseguiu. Quem não se lembra daquela entrevista à rádio Santanense que só não o levou à cassação porque não dava tempo para tal processo? Mas sabemos que o povo está xingando o prefeito e muito, por causa do aumento das passagens. 
 
Assessoria
Alguns servidores me disseram que o prefeito manteve alguns assessores "ruins" em seu governo e as pessoas sérias, trabalhadoras e que deram uma excelente organização em seus setores foram dispensadas em 31/12/08 e não retornaram até hoje. Isto para nós não foi surpresa nenhuma, pois quem conhece bem o prefeito sabe que ele gosta de gente que o bajula e aqueles que não o fazem, mesmo sendo competentes são dispensados ou encostados. Mas na política é assim mesmo, vale o critério político, o apadrinhamento, o pedido de vereadores aliados com a administração. Então, fazer o quê?
 
 
17/01/09
Plano de salários
Outro dia um servidor me disse que este ano o prefeito Eugênio Pinto tem mais abacaxi para descascar. É que nesta nova administração os salários do prefeito e dos secretários subiram em matéria aprovada na Câmara no ano passado. Então o prefeito e o secretário de Administração terão que rever o plano de cargos e salários de todos os servidores sob pena de uma greve geral. Eles terão que dar um reajuste muito bom para os servidores e não a merreca de 10% como fazem todos os anos. Servidores já estão começando a se mobilizar para ir ao Sindserv e exigir deles a revisão do plano de cargos e salários. Senão, vai ficar o prefeito, os secretários e vereadores com seus salários bem altos e os servidores, que carregam a prefeitura nas costas, ficarão com seus salários defasados. Olho vivo, prefeito, ou se prepare para uma greve.
 
Quanta diferença!
Em janeiro de 2005 o poliesportivo da Universidade de Itaúna estava lotado de gente para assistir à posse do então prefeito eleito Eugênio Pinto. O povo estava numa verdadeira lua de mel com ele. Em janeiro de 2009 só tinha gente que ocupava cargo de confiança e poucas pessoas nas galerias. Acabou mesmo a lua de mel do povo com o prefeito Eugênio. E se ele não fizer um mandato diferente, um bom governo, se ficar só com aquelas velhas promessas de que vai fazer e não faz, vai só irritando o povo. Uma prova disso é que ele prometeu terminar a reforma do teatro Sílvio de Matos para o dia 16 de setembro de 2008, dia do aniversário da cidade e mais uma vez não cumpriu. Se não tinha dinheiro para bancar a reforma, não deveria ter destruído o teatro. Foi irresponsabilidade sem tamanho.
 
A nova Câmara
É, parece que a nova Câmara quer mesmo ser independente. Dessa vez alguns vereadores não se curvaram ao prefeito e reconduziram o Toinzinho ao cargo de presidente novamente. Achei certo, pois o Toinzinho foi o vereador mais votado de toda a história de Itaúna. Sinal de que o povo gosta dele e ele não podia ficar sendo fritado pelo seu partido, o PMDB. Lamentei muito que o Edson do Varejão, que é do mesmo partido de Toinzinho, tenha votado contra. Na minha opinião isso é infidelidade partidária. Mas deixa pra lá, o importante é que o Toinzinho está lá e irá continuar fazendo um bom trabalho. E o prefeito acabou de ver que seu prestígio hoje está lá embaixo. Na nossa história era raro um prefeito não conseguir eleger um presidente da Câmara.